Portões dos locais de prova do Enem abriram 12h e fecham às 13h

Desde as 11h30 o trânsito é intenso para acessar os locais de avaliação, como na faculdade Unip na 913 Sul

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 03/12/2016 12:28 / atualizado em 03/12/2016 16:23

André Violatti/Esp.CB/D.A Press
 
Quem não fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) na primeira aplicação da prova por causa das ocupações de escolas e instituições de ensino superior, que aconteceu em 5 e 6 de novembro, enfrenta a maratona de avaliação neste fim de semana. Ao todo, 277.622 candidatos são esperados em todas as 23 unidades da federação. Os portões dos locais de prova abriram às 12h deste sábado (3/12) e fecham às 13h. O teste começa às 13h30. 

Desde às 11h30 o trânsito é intenso para acessar os locais de avaliação. Candidatos enfrentam lentidão no acesso aos endereços. Para não se atrasarem, alguns preferiram sair de casa mais cedo. Alguns pais acompanharam os filhos. 

A três horas do início das provas, 202.512 inscritos já tinham acessado os Cartões de Confirmação com indicação do local de prova, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Esse número representa aproximadamente 73% do total de 277.624 candidatos. 

Neste sábado os candidatos enfrentam as provas de Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias, com 4 horas e 30 minutos de duração.  As duas provas objetivas de sábado são compostas por 45 questões de múltipla escolha cada, totalizando 90 itens.

No domingo (4/12) será a vez de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Matemática e suas Tecnologias, em 5 horas e 30 minutos.

Toda a logística de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016 se repetirá na segunda aplicação, entre elas as novidades de segurança adotadas pela primeira vez este ano. Os participantes terão coleta de dado biométrico, que será realizada pelo chefe de sala durante a aplicação. E, ao entrar e sair dos banheiros, todos passarão por vistoria com detectores de metais, o que antes era feito de forma amostral.