SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Formação no Programa Mais Médicos deve ser pré-requisito para residência

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/09/2013 17:45

Agência Câmara

O secretário de Educação Superior do Ministério da Educação, Paulo Speller, defendeu há pouco, durante audiência pública da comissão mista que analisa a medida provisória (MP 621/13) que criou o Programa Mais Médicos, que o segundo ciclo de formação dos estudantes de Medicina previsto na MP seja um pré-requisito para que os médicos formados possam ingressar na residência médica em outras especialidades.

A MP prevê que, depois dos seis anos do curso de Medicina, os médicos recém-formados trabalhem por mais dois anos fazendo treinamento exclusivo em atenção básica à saúde no Sistema Único de Saúde (SUS).

O relator da medida, deputado Rogério Carvalho (PT-SE), concorda com a posição do representante do Ministério da Educação. Ele afirmou que “o segundo ciclo voltado para o atendimento no SUS vai recriar a formação geral do médico no Brasil, que hoje dá prioridade a médicos especialistas”.
Tags:

publicidade

publicidade