SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Apenas 9,72% dos médicos são aprovados na primeira fase do Revalida

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/10/2013 19:08

Apenas 9,72% dos inscritos no Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras (Revalida) 2013 foram aprovados na primeira fase do exame. Esse percentual equivale a 155 candidatos. Os resultados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) nesta segunda-feira (28/10). Os candidatos podem fazer consultas individuais no site da instituição. As provas objetiva e discursiva do exame aconteceram em agosto, com a participação de 1.595 médicos com diploma obtido no exterior.

Os aprovados precisam se inscrever até 4 de novembro para a segunda fase, de habilidades clínicas, na qual os participantes realizam simulações de atendimento médico. A taxa é de R$ 300 e as simulações serão em Brasília, em 30 de novembro e 1° de dezembro.


"Atendendo à legislação brasileira sobre a revalidação dos diplomas obtidos no exterior, o Revalida tem a participação de 37 instituições de educação superior públicas que buscam ter um critério único para o processo", explica o presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa.

Criado em 2011, o Revalida é um exame nacional criado pelo Ministério de Educação (MEC) para que estrangeiros e brasileiros formados no exterior possam exercer a medicina no Brasil. O exame cobra habilidades e competências das cinco grandes áreas da medicina: cirurgia; medicina de família e comunidade; pediatria; ginecologia-obstetrícia e clínica médica. Cada área possui níveis de desempenho esperados para as habilidades específicas.


Tags:

publicidade

publicidade