SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Deputado critica exigências pessoais para médicos cubanos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/03/2014 16:48

Agência Câmara

O deputado Ronaldo Caiado (DEM-GO) questionou, há pouco, se existe respeito aos direitos humanos no caso da contratação dos profissionais cubanos para o programa Mais Médicos. “Eles não podem se casar, eles não podem passar férias em nenhum país que não seja Cuba, eles vivem em semiescravidão.”

Ele citou também denúncia de que cinco médicas cubanas teriam engravidado e teriam sido obrigadas a retornar ao país para a realização de procedimentos de aborto. “Precisamos reeditar agora no Brasil a lei do ventre livre?”, afirmou.

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, participa de audiência da Comissão de Fiscalização Financeira e Controle para falar sobre o regime de contratação dos médicos cubanos pelo governo brasileiro no programa Mais Médicos.

A audiência prossegue no plenário 9.

Assista ao vivo.
Tags:

publicidade

publicidade