SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

ESPECIALIZAÇÃO »

Brasileiras no top 70

Quatro escolas de negócios do país marcam presença em ranking internacional. Cursos de curta duração avaliados na pesquisa chegam a custar R$ 35 mil e atraem cada vez mais executivos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/05/2014 10:34 / atualizado em 20/05/2014 12:40

  
 

Paula Rafiza

O Brasil tem quatro instituições entre as 70 melhores escolas de negócios do mundo, segundo ranking divulgado na última semana pelo jornal britânico Financial Times. Foram avaliadas escolas de negócio que oferecem cursos de curta duração voltados para empresas ou para executivos, e as brasileiras Fundação Dom Cabral (FDC), Insper Instituto de Ensino e Pesquisa, Saint Paul Escola de Negócios e Fundação Instituto de Administração (FIA) entraram na lista (veja o quadro).


Dos 1,1 mil clientes corporativos que responderam à pesquisa, 41% disseram que as organizações estavam considerando aumentar os gastos em educação executiva nos próximos três anos. A classificação leva em conta critérios como o formato dos cursos, os métodos e os materiais de ensino, a presença de estudantes de outros países e a infraestrutura oferecida. As instituições brasileiras já registram aumento na demanda por esses cursos e cobram até R$ 35 mil dependendo da qualificação.

A Fundação Dom Cabral, com sede em Minas Gerais e câmpus em São Paulo e no Rio de Janeiro, ficou na 23ª posição, mesma colocação alcançada no ano passado. “Percebemos um crescimento no número de gerentes e diretores de média a alta gerência em nossos cursos. São pessoas com mais de 10 anos de carreira que querem adquirir novas competências”, afirma Paulo Resende, diretor executivo de programas abertos e pós-graduação da FDC. A instituição oferece cursos customizados, voltados para empresas, e abertos, para o público geral. A duração dos cursos é de uma semana a até dois meses. Os temas são relacionados à gestão corporativa, entre eles liderança, estratégia, inovação, desenho de processos e operações e lógicas. Os valores variam de R$ 2 mil a R$ 35 mil.

Alguns cursos abertos da FDC também são ministrados em instituições parceiras em estados fora da Região Sudeste, como no Distrito Federal, em Goiás e no Ceará. O administrador e servidor público Nelson Suassuna, 52 anos, participou do módulo Fronteiras da gestão pública ministrado no fim do ano passado. Esse foi o segundo curso de curta duração que o administrador fez na instituição. Ele busca cursos de atualização de forma frequente. “Quando percebo que preciso me renovar profissionalmente, faço novos cursos. É bom para adquirir conhecimentos, melhorar minha eficiência e refletir sobre temas ligados a gestão”, comenta.

Atualização
O Insper, sediado em São Paulo, também ficou na mesma colocação do ano anterior, a 38ª. De acordo com Rodrigo Amantea, coordenador de educação executiva dos programas abertos do instituto, os cursos de curta e de média duração são modificados a cada ano. “Procuramos abordar temas atuais e relevantes para o mercado executivo. Buscamos o que é mais relevante para esse público no momento, pois nossos cursos são voltados para que o gestor coloque em prática os conceitos que está estudando”, diz. Os assuntos mais abordados são liderança, negociação, estratégias e marketing. Os de curta duração vão de 24 a 60 horas e os de média podem ter de 100 a 440 horas. Cada curso pode custar de R$ 1,8 mil a R$ 28 mil.

Já a Saint Paul Escola de Negócios caiu cinco posições em relação ao ranking do ano passado, passando do 54º para 59º lugar. De acordo com o presidente da instituição, José Claúdio Segurato, houve um aumento de mais de 20% na quantidade de alunos que procuram os cursos de educação executiva. “O mercado demanda competências específicas. Então, temos que ser cada vez mais especialistas. Executivos de grandes empresas vêm buscar na Saint Paul atualização em certas áreas, por exemplo, um administrador que tem alguma dificuldade em orçamento ou não tem muito conhecimento de gereciamento de projetos”, comenta. Os cursos de curta duração da instituição são de 8 a 24 horas e ensinam temas relacionados a administrição, contabilidade e economia. Os preços vão de R$ 2 mil a R$ 4 mil.

A FIA aparece pela primeira vez nesse ranking, em 69º lugar. “Nossa especialidade são cursos de MBA, desde 2004 participamos de outro ranking do jornal britânico. Essa é a primeira que somos avaliados em relação aos cursos de curta duração. Agora, vamos enfatizar mais nessa demanda”, afirma o coordenador do MBA executivo internacional da fundação, James Wright. Os cursos de educação executiva da FIA têm duração de um dia a até 360 horas. A cada mês, costumam ter cerca de 10 cursos presenciais em São Paulo. Os principais temas abordados são liderança, estratégia, finanças e gestão de pessoas. Não há pré-requisitos para esses cursos, entretanto, Wright afirma os alunos costumam se dividir em duas categorias: estudantes que já fizeram MBA e querem se manter atualizados e universitários ou recém-formados que querem focar em um tema específico. Os valores variam de R$ 500 a R$ 10 mil reais.

Confira a lista
As top 3

1ª International Institute for Management Development – IMD (Suiça)
2ª University of Chicago Booth School of Business (Estados Unidos)
3ª École des Hautes Études Commerciales de Paris – HEC Paris (França)

As brasileiras

23ª – Fundação Dom Cabral
38ª – Insper
59ª – Saint Paul Escola de Negócios
69ª – Fundação Instituto de Administração

Veja cursos oferecidos pelas instituições
 
A distância

Mercado de capitais
A Saint Paul oferece curso on-line sobre os conceitos, produtos e práticas do mercado de capitais nacional e internacional. O curso ocorre de 26 a 28 de maio. A carga horária é de 12 horas. R$ 1.329,30. Inscrições: saintpaul.com.br. Informações: (11) 3513-6901

Gestão de Negócios Esportivos
O curso on-line da FIA aborda técnicas e ferramentas gerenciais aplicadas ao esporte. São 180 horas de atividades. Aulas a partir de 19 de maio. A duração é de 11 meses. R$ 4.6 mil, à vista, e R$ 5 mil, parcelado. Inscrições: fia.com.br. Informações: (11) 3732-2031

Em Brasília

Fronteiras em Gestão Publica
O curso presencial da FDC discute sobre novas configurações da gestão pública. Aulas de 26 a 30 de maio, no Hotel Royal Tulip (SHTN, Trecho 1, Conjunto 1B, Bloco C - Asa Norte). R$ 7.9 mil. Inscrições: www.fdc.org.br. Informações: 4005-9200 e 0800 9419200.

Tags:

publicidade

publicidade