Faça o teste e descubra se você tem perfil para ser empreendedora

Responda às questões de acordo com que você é nos dias de hoje e não como quer ser futuramente.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/12/2016 08:00 / atualizado em 18/12/2016 18:48

Responda às questões de acordo com que você é nos dias de hoje e não como quer ser futuramente.

1) Sua maior motivação em empreender um novo negócio é:
a. ( ) poder compor meu próprio salário;
b. ( ) o desejo de realizar coisas novas;
c. ( ) provar para as pessoas que não acreditam em mim que sou capaz.


2) Como você se posiciona em relação aos riscos que um novo negócio traz?

a. ( ) procuro correr riscos viáveis e possíveis de contornar;
b. ( ) vou com tudo porque quem está na chuva é para se molhar;
c. ( ) na iminência de qualquer risco prefiro não seguir em frente.


5) Qual seu nível de autoconfiança?

a. ( ) já tive um negócio no passado que não deu certo (ou nunca fui um funcionário de destaque), por isso sou um pouco insegura, mas estou disposta a mudar;
b. ( ) gosto de assumir as maiores responsabilidades porque confio que vou dar conta;
c. ( ) não tomo nenhuma atitude sem consultar a família, amigos ou algum mentor.


7) Quando as dificuldades aparecem, qual dessas atitudes melhor descreve as suas reações:

a. ( ) sou quase sempre pega de surpresa e isso me abala e enfraquece. Levo tempo para me recompor;
b. ( ) sei que as dificuldades devem ser enfrentadas e não me abalo, mas prefiro focar no trabalho e delegar a resolução do problema;
c. ( ) encaro as dificuldades como oportunidades de crescer e não abro mão de resolver de forma firme, incisiva e rápida.


11) Diante de um desafio novo, você:
a. ( ) fica com medo, mas vai com medo mesmo;
b. ( ) costuma subestimar os desafios e às vezes é reprovada por excesso de confiança;
c. ( ) o temor é grande e chega a paralisa-la diante de certas situações.


18) Com respeito ao trio liderança, motivação e coordenação de pessoas, você:

a. ( ) tem facilidade em desempenhar esses papéis;
b. ( ) desempenha o papel, mas não se sente confortável;
c. ( ) não se vê desempenhando esse papel.


19) Quando surge um problema, como você costuma resolver?

a. ( ) quase sempre da mesma forma;
b. ( ) com criatividade, pois gosto de testar novos métodos;
c. ( ) não sou uma boa solucionadora de problemas.


26) Como você administra seu tempo?
a. ( ) trabalho o dia todo, correndo de um lado para o outro, mas ao final do expediente tenho a sensação de que não fiz nada;
b. ( ) não sou muito disciplinada e sei que perco muito tempo em conversas ou coisas desnecessárias;
c. ( ) coordeno bem o meu tempo e procuro não desperdiçar minhas horas de trabalho.


27) Você deseja ser bem-sucedida para:
a. ( ) ter uma melhor posição na sociedade e ser reconhecida pelo que faz;
b. ( ) estar bem consigo mesma e poder ter o que sempre quis;
c. ( ) poder sentir-se útil e também ser útil à sua comunidade de alguma forma.


28) Qual conjunto de características define melhor a sua atuação profissional?
a. ( ) independência, segurança e confiança;
b. ( ) espírito de equipe, colaboração e compartilhamento;
c. ( ) independência, introspecção e autoestima mediana.


Calcule sua pontuação


Some os valores da tabela a seguir segundo suas respostas.



1)                                      6)
a. 2 pontos                                a. 3 pontos
b. 3 pontos                                b. 2 pontos
c. 1 ponto                                  c. 1 ponto

2)                                      7)
a. 3 pontos                                a. 2 pontos
b. 2 pontos                                b. 3 pontos
c. 1 ponto                                  c. 1 ponto

3)                                       8)
a. 2 pontos                                a. 2 pontos
b. 3 pontos                                b. 1 ponto
c. 1 ponto                                  c. 3 pontos

4)                                       9)

a. 1 ponto                                  a. 1 ponto
b. 2 pontos                                 b. 2 pontos
c. 3 pontos                                 c. 3 pontos

5)                                       10)
a. 3 pontos                                 a. 3 pontos
b. 2 pontos                                 b. 2 pontos
c. 1 ponto                                   c. 1 ponto


Resultado

De 10 a 15 pontos – Aspirante à empreendedora

Você demonstra características de alguém que ainda não está muito certa do que quer. É preciso definir bem o que você espera do futuro e acreditar mais em si mesma, esquecendo qualquer má experiência do passado ou até mesmo sua ausência. Empreender é algo bom, mas exige segurança, autoconfiança e um toque de ousadia. É ótimo que, com a leitura deste livro, você esteja dando o primeiro passo em relação a algo novo e desafiador, pois o desenvolvimento das características que lhe faltam no momento como autoestima elevada, autoconfiança, independência e segurança, só virão com o conhecimento e a prática. Você pode e vai conseguir!

De 16 a 20 pontos – Empreendedora "cara e coragem"



Você tem características mais impulsivas, de quem não tem muita paciência para traçar estratégias e prefere fazer as coisas sem muito planejamento. Aquilo que não lhe agrada você logo delega para não tirá-la do seu alvo que é fazer, fazer, fazer. É preciso investir um pouco mais em desenvolver conhecimento e estratégias, pois isso poderá fazer com que você ganhe tempo. É muito positiva a confiança que você tem em si e nas pessoas que trabalham com você, portanto, continue com todo esse gás! No entanto, não subestime as demais características que focam no planejamento, pois elas irão ajudá-la na execução de suas tarefas.

De 21 a 30 pontos – Empreendedora rumo ao sucesso


Você já tem muitas características inerentes a uma empreendedora de sucesso, parabéns! Você é uma pessoa centrada, ponderada, que age com equilíbrio e busca empreender pelos motivos certos. O fato de ter este livro em suas mãos, apesar de já ter um ótimo perfil empreendedor, só confirma o seu interesse em crescer e vencer. Você considera o seu conhecimento como algo importante, mas não deixa de ouvir pessoas que possam ajudá-la a crescer. Se você mantiver esse espírito, o sucesso será uma consequência e, além de ser uma pessoa bem-sucedida, poderá ajudar e inspirar outros a entrarem para o mundo do empreendedorismo.

Este miniteste foi extraído do teste completo de 30 perguntas do livro Lugar de mulher é onde ela quiser, de Patricia Lages. O teste não tem caráter de pesquisa clínica, acadêmica ou oficial.

Três perguntas para - Lyana Bittencourt, diretora-executiva do Grupo Bittencourt

Como você avalia os ambientes de trabalho do Brasil com relação ao machismo?
Recentemente a questão do machismo vem sendo discutida mais abertamente. Antes a discussão se limitava a pequenos grupos ativistas. O que se aceitava antes, não se aceita agora (ou pelo menos uma parcela maior da população se dedica a discutir o assunto). Há de se reconhecer que a desigualdade de gêneros existe e deve ser combatida. Algumas empresas levantaram a bandeira da equidade de gêneros e buscam praticá-la. Porém ainda podem ser consideradas exceções.

O que pode ser feito para que os ambientes corporativos se tornem menos machistas?

Machismo é uma característica cultural, e toda empresa possui a própria cultura, a qual é passada a cada funcionário. Portanto, cultivar uma cultura dentro da organização mais igualitária, de que tanto homens quanto mulheres têm os mesmos direitos e deveres, tende a ter efeito mais rápido do que esperar que cada um individualmente tome essa consciência. Para as que buscam diminuir a desigualdade, é um dever começar a passar a cultura da igualdade desde o primeiro contato com o funcionário ou mesmo filtrar aqueles que não aderem à cultura no momento da entrevista de emprego. E para as que estão mudando ou adotando essa nova postura, a primeira coisa a se fazer é ouvir. Ouvir como as mulheres que trabalham ali se sentem, o que elas têm a dizer sobre o ambiente de trabalho, sobre a postura de líderes, pares e subordinados. A abertura para a conversa é essencial para que tais atitudes preconceituosas e machistas sejam identificadas e não sejam replicadas, e se ocorrerem é preciso que haja medidas de repreensão.

Como as mulheres trabalhadoras podem ajudar a coibir e eliminar práticas machistas no trabalho?
Se a empresa tem um canal aberto para discussão do assunto, devem conversar e colocar seu ponto de vista, dando exemplos claros e expor fatos do que está ocorrendo. Se não tiver esse canal e deseja ver a mudança ocorrer, envolva as pessoas. Marque um bate papo com colegas, com outras mulheres que passam pela mesma situação e levante a bandeira.