Medicina

Atenção ao paciente crítico terá capacitação de 110 profissionais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/02/2017 19:00

O Hospital Universitário de Brasília (HUB) e o Hospital das Clínicas da Universidade Federal do Pernambuco (HC-UFPE) estão entre as primeiras instituições do país a sediar o primeiro curso de especialização em atendimento ao paciente crítico ofertado pelo Hospital Sírio Libanês (HSL). A iniciativa é fruto de uma parceria do HSL com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), à qual os dois hospitais universitários são filiados, e conta com a participação do Ministério da Saúde.

 

O objetivo do curso é treinar e especializar profissionais que lidam com situações críticas na área da saúde, envolvendo tanto profissionais de setores de emergência quanto profissionais intensivistas de UTI, como médicos e enfermeiros. Serão dez módulos, realizados em encontros mensais de três dias, concluídos em novembro, totalizando 110 profissionais de 11 hospitais do Brasil.

 

“Essa é uma das iniciativas mais importantes das ações de ensino e pesquisa do Hospital Sírio Libanês. A parceria com a Ebserh é bastante expressiva para apoiar o desenvolvimento dos hospitais universitários”, relatou o diretor do Instituto de Ensino e Pesquisa do HSL, Luiz Fernando Lima.

 

Em Brasília, são 40 vagas, sendo 15 para o HUB. Em seu primeiro dia no cargo, a superintendente da instituição, Elza Noronha, comemorou por sua estreia na função acontecer em um evento tão significativo. “As parcerias são muito importantes e vêm contribuir para qualificar a gestão e trazer critérios de excelência no serviço, que se refletem no ensino, pesquisa e extensão”, afirmou.

 

Do Nordeste, participarão 40 profissionais de diferentes instituições de saúde, incluindo 11 do HC-UFPE e os demais do Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), de Campina Grande (PB), Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), de João Pessoa, ambos filiados à Ebserh, e do Hospital Regional de Caruaru.

 

“Além de atuar na especialização desses profissionais, o curso também tem o intuito de transformá-los em multiplicadores capacitados para compartilhar os conhecimentos adquiridos. Com a iniciativa, podemos ampliar essa capacitação nas regiões abrangidas por essas unidades de saúde”, explicou a chefe da Unidade de Desenvolvimento de Pessoas, Viviane dos Santos, envolvida na organização do curso no HC.

 

 

 

 

Portal MEC