SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

CsF Coreia do Sul realiza o II Encontro de Bolsistas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/03/2013 13:54

O II encontro de bolsistas do CsF Coreia do Sul foi realizado no dia 10 de março de 2013 na Hanyang University em Seul. O evento foi organizado pela Embaixada do Brasil em Seul, KFPP – Korean Foundation for the Promotion of Private School e CNPq – Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, através do Programa de Apoio a Estudantes Brasileiros (PAEB) do Ministério das Relações Exteriores. Os 180 bolsistas brasileiros na Coreia do Sul participaram do encontro, que contou com a presença da representante do CNPq, Sra. Lisandra Santos e do Diretor do Ministério da Educação, Ciência e Tecnologia (MEST), Sr. Tai Yong Lee.

O discurso de abertura foi proferido pelo Embaixador do Brasil em Seul, Edmundo Fujita. O Embaixador elogiou a decisão dos estudantes de optarem pela Coreia do Sul, o que demonstra um alto grau de seriedade em função da escolha pela excelência educacional sul-coreana e visão pela garantia de estudos nas melhores universidades do país e acesso a estágios em empresas de renome mundial. Em contrapartida, o Embaixador solicitou muita dedicação aos estudos e flexibilidade de adaptação às diferenças culturais do país asiático. Segundo o Embaixador, a Coreia do Sul já está entre os 5 maiores parceiros do Brasil em termos comerciais e investimentos, significando que alunos com experiência na Coreia do Sul serão privilegiados com oportunidades de emprego de alta qualificação após retorno ao Brasil.   

A apresentação principal foi realizada pela representante do CNPq, Sra. Lisandra Santos, Analista em Ciência & Tecnologia, que elogiou a atuação do primeiro grupo de alunos que desembarcaram na Coreia em 2012 e obtiveram resultados satisfatórios nos estágios e pesquisas, destacados pela revista VEJA e pelas notícias do portal do CsF. A seguir, foram transmitidas novas orientações do CsF aos estudantes na Coreia do Sul, destacando a importância de um bom aproveitamento das disciplinas tecnológicas por todos os alunos, que será alvo de supervisão do CNPq. Como resultado positivo do primeiro ano do CsF Coreia, Lisandra Santos sublinhou o bom desempenho das atividades de estágio nas indústrias, onde a Coreia obteve uma participação de 84% dos estudantes durante os meses de janeiro e fevereiro (férias de inverno nas universidades sul-coreanas). A média do CsF como um todo seria de 27% para estágios em empresas. O índice bem acima da média deve-se ao esforço da Embaixada do Brasil em Seul que gerenciou e intermediou as oportunidades junto ao setor privado.

As orientações sobre a cultura coreana foram transmitidas pela Embaixatriz Maria Ligaya Fujita e pela líder da comunidade brasileira Sra. Lena Sull. Representantes do Grupo de Estudantes KOBRA realizaram apresentação sobre a vida acadêmica e estudantil no país.  Por fim, foram realizadas quatro apresentações pelos estudantes que realizaram estágios entre janeiro e fevereiro nas empresas Merck Korea, Hyundai Motors, Institute Pasteur Korea, e Samsung Electronics.

Os vídeos do evento podem ser acessados pelo Youtube em: http://tinyurl.com/cgnc4u6.

As fotos podem ser acessadas em: http://tinyurl.com/bwzunba.

Fonte: Embaixada do Brasil em Seul e CNPq.

Tags:

publicidade

publicidade