SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Bolsista do CsF é convidada a representar universidade americana

A estudante brasileira Nayara Rios Gerez , uma das primeiras bolsistas do Programa Ciência sem Fronteiras (CsF), foi convidada pela Kent State University, onde fez intercâmbio, para ser representante no escritório da instituição no Brasil.

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/04/2013 14:48 / atualizado em 16/04/2013 14:26

Nayara Gerez conta que durante o tempo que esteve na Kent State sempre foi ativa em todas as atividades fornecidas pela Universidade e por conta desse engajamento foi escolhida para ocupar o cargo. “Perto de eu voltar para o Brasil os representantes da Universidade me chamaram para conversar e disseram que estavam abrindo um escritório no Brasil em Curitiba, pois queriam mais alunos brasileiros estudando na instituição. Eles reiteraram que nada melhor do que alguém que já estudou e conhece de perto a Universidade para representá-la no Brasil. Eu fiquei lisonjeada com o convite e aceitei na hora”, relata a estudante de enfermagem.
Nayara ficou dois semestres pelo Programa Ciência sem Fronteiras, na Kent State, onde cursou nove matérias e fez três estágios em obstetrícia, geriatria e pediatria, este último no 3º melhor hospital dos Estados Unidos. A bolsista destaca a importância do Programa para os estudantes que se dedicam às bolsas concedidas conquistarem oportunidades no mercado de trabalho. “O programa me deu todo o apoio para avançar na carreira e concretizar um sonho. Aprendi muito. Teve dias com mais de 16 horas de estudos e tudo isso mudou a minha vida pessoal e profissional”, destaca.
Para a estudante, a experiência não trouxe só qualificação profissional e mudanças na vida pessoal. Além disso, a oportunidade abriu um novo olhar para a execução do seu trabalho. “O foco da enfermagem lá é diferente do nosso país. Assim eu relacionava o que estava aprendendo com o que eu aprendi no Brasil e isso provocou algo em mim, uma vontade de melhorar nossa realidade de assistência. Aprendi também a dar mais valor no SUS, porque percebi como é difícil não ter um sistema único de saúde”, ressalta Nayara.
 
Programa - Ciência sem Fronteiras é um programa que busca promover a consolidação, expansão e internacionalização da ciência e tecnologia, da inovação e da competitividade brasileira por meio do intercâmbio e da mobilidade internacional.
 
Está prevista a concessão de até 101 mil bolsas em quatro anos para promover intercâmbio, de forma que alunos de graduação e pós-graduação façam estágio no exterior com a finalidade de manter contato com sistemas educacionais competitivos em relação à tecnologia e inovação.
 
Além disso, busca atrair pesquisadores do exterior que queiram se fixar no Brasil ou estabelecer parcerias com os pesquisadores brasileiros nas áreas prioritárias definidas, bem como criar oportunidade para que pesquisadores de empresas recebam treinamento especializado no exterior.
 
Coordenação de Comunicação Social
Tags:

publicidade

publicidade