SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Universidade na Rússia abre 30 vagas para estudantes brasileiros

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/03/2014 14:14

Aliança Russa abre inscrições para o processo de seleção para estudantes que desejam cursar medicina na Universidade Estatal de Kursk, na Rússia. Ao todo são 30 vagas. Entre os incentivos para os candidatos está o custo-benefício da graduação e a oportunidade de atuação no programa do governo federal Mais Médicos, que seleciona profissionais para atuar em cidades carentes do Brasil.

Aos interessados em fazer a inscrição, a Universidade de Kursk oferece duas possibilidades. A primeira é por meio do programa Ciências sem Fronteiras, que tem como objetivo a promoção de intercâmbios de ciência, tecnologia, inovação e competitividade entre os dois países. A iniciativa é dos ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e Educação (MEC). Os alunos interessados nesse modelo de estudo já devem, obrigatoriamente, estar cursando faculdade no Brasil, tendo, pelo menos, 20% da carga horária concluída.

As inscrições também podem ser feitas por candidatos que tenham completado o ensino médio. As inscrições seguem até 31 de março. A seleção dos candidatos inclui reunião com os pais e análise do histórico escolar do estudante.

Em qualquer um dos dois casos, os alunos selecionados passam, antes, pela Faculdade Preparatória em russo, onde há aulas especificas para o desenvolvimento do idioma. Nesse primeiro processo, a duração é de junho a setembro deste ano. Após esse prazo, os alunos iniciarão o primeiro ano do curso de medicina.

A Universidade de Kursk fica a cerca de 500 quilômetros da capital, Moscou. Kursk é uma cidade de custo de vida baixo, e esse é um dos principais motivos que os estudantes estrangeiros têm procurado a instituição para conseguir um diploma médico europeu. Atualmente, mais de 350 alunos brasileiros estão matriculados. Na universidade o estudante terá acesso a um dos melhores sistemas educacionais do mundo, com turmas de, no máximo, 12 alunos.

A Aliança Russa já tem dez alunos formados pela Universidade Estatal de Kursk. O valor cobrado é simbólico devido à política de incentivo a estudantes estrangeiros adotada pelo governo russo. Em média, cada aluno desembolsa entre R$ 7.000 e R$ 12.000 por ano em despesas entre curso e moradia – valor muito inferior ao das universidades particulares no Brasil. A duração da graduação é de seis anos, e o aluno tem direito a seguro médico, tutoria acadêmica e moradia universitária.

Os interessados devem se inscrever pelo site da Aliança Russa, ou pelo telefone 55 (11) 4551-3836.
Tags:

publicidade

publicidade