SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Hollande, Merkel e Putin se reúnem em Berlim para falar sobre a Ucrânia

Depois de conversar com o colega ucraniano, Petro Poroshenko, na semana passada, o presidente francês François Hollande fez um apelo a todas as partes do conflito ucraniano para a elaboração de um mapa do caminho para finalizar a crise

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/10/2016 08:46

Paris, França - Os presidentes da Rússia, França e Ucrânia, ao lado da chanceler alemã, se reunirão na quarta-feira (19/10) em Berlim para avaliar a aplicação dos acordos de paz de Minsk para resolver a crise ucraniana. "A chanceler alemã (Angela Merkel) convidou (os três presidentes) para avaliar os acordos de Minsk", anunciou Berlim. A última reunião do tipo aconteceu em 2 de janeiro de 2015 em Paris.

O encontro também permitirá "discutir sobre as próximas etapas do processo com o objetivo de resolver a crise no leste da Ucrânia", destacou a presidência francesa. Depois de conversar com o colega ucraniano, Petro Poroshenko, na semana passada, o presidente francês François Hollande fez um apelo a todas as partes do conflito ucraniano para a elaboração de um mapa do caminho para finalizar a crise.

Leia mais notícias em Mundo

O objetivo é ajudar a Ucrânia a retomar o controle de suas fronteira com a Rússia, destacou Hollande. Além de Hollande, Merkel e Poroshenko, o presidente russo, Vladimir Putin, participará na reunião em Berlim.

A Rússia, que anexou a península ucraniana da Crimeia em 2014, é acusada pelos países ocidentais de apoiar uma rebelião separatista e pró-Mocou no leste do país, onde o conflito com as forças ucranianas matou mais de 9.600 pessoas desde abril de 2014. Moscou nega as acusações de que enviou tropas e armas às fronteiras com a Ucrânia.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.