SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Kerry aprova trégua de 72h no Iêmen e pede 'renovação sem condições'

O secretário também se referiu ao pedido do enviado especial da ONU ao Iêmen, Ismail Ould Sheikh Ahmed, de permitir a passagem sem restrições de pessoal e material humanitários no país

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/10/2016 17:15

France Presse


Washington, Estados Unidos
- O secretário de Estado americano, John Kerry, celebrou nesta terça-feira (18) a trégua de 72 horas anunciada pela ONU no Iêmen, ao mesmo tempo em que reivindicou a "renovação sem condições" do fim das hostilidades.

"Esse cessar-fogo requer que todas as partes apliquem um total e amplo cessar das atividades militares de qualquer tipo, assim como facilitar a entrega de material humanitário aos iemenitas em todo o país", afirmou Kerry, em um comunicado.

A trégua começará nesta quarta-feira (19/10), às 18h59 (horário de Brasília).

Leia mais notícias em Mundo


"Pedimos a todas as partes que deem os passos necessários para avançar na implementação dessa trégua. Pedimos que vocês a mantenham e nós os estimulamos energicamente a renovarem-na sem condições", manifestou o secretário.

Kerry também se referiu ao pedido do enviado especial da ONU ao Iêmen, Ismail Ould Sheikh Ahmed, de permitir a passagem sem restrições de pessoal e material humanitários no país.

"O povo do Iêmen depende da total cooperação de ambas as partes", apontou o secretário de Estado.

"Ressaltamos mais uma vez que a resolução pacífica desse conflito requer compromissos e o envolvimento de todo o mundo", acrescentou.

O enviado especial das Nações Unidas disse ter recebido as garantias de "todas as partes", ao anunciar a trégua na segunda-feira.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade