Putin quer o fim da "intimidação" da Coreia do Norte

"Temos que parar de intimidar a Coreia do Norte e encontrar uma solução pacífica para resolver este problema", insistiu

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 15/05/2017 08:19

AFP / POOL / Mark Schiefelbein


O presidente russo Vladimir Putin chamou nesta segunda-feira de "contraproducente e perigoso" o lançamento de um novo míssil norte-coreano, mas também pediu que fim da intimidação à Coreia do Norte e defendeu uma solução pacífica.

"Somos categoricamente contra a ampliação do clube de potências nucleares, inclusive em benefício da Coreia do Norte (...) Nós somos contra e consideramos (o disparo) contraproducente, prejudicial e perigosos", afirmou Putin em uma entrevista coletiva em Pequim.

Mas "temos que parar de intimidar a Coreia do Norte e encontrar uma solução pacífica para resolver este problema", insistiu.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.