Merkel pede negociação rápida do Brexit após eleições britânicas

A chanceler afirmou que os europeus estão prontos para as negociações, já definiram sua base de atuação e não há qualquer motivo para não se cumprir com o previsto

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/06/2017 09:51

A chanceler alemã, Angela Merkel, defendeu nesta sexta-feira (9/6) uma rápida negociação do Brexit para concretizar a saída da Grã-Bretanha da União Europeia (UE), após a primeira-ministra conservadora, Theresa May, perder a maioria parlamentar nas eleições britânicas. "Estamos prontos para as negociações. Queremos que sejam rápidas, que se respeite o calendário", disse  Merkel em entrevista coletiva no México, onde realiza visita oficial.


Leia mais notícias em Mundo

A chanceler afirmou que os europeus estão prontos para as negociações, já definiram sua base de atuação e não há qualquer motivo para não se cumprir com o previsto. "Vamos começar nos próximos dias as negociações (...) nas quais defenderemos os interesses dos 27 estados-membros que formarão parte da UE".

Os conservadores sofreram um revés nas eleições antecipadas de quinta-feira, perdendo a maioria absoluta no Parlamento, o que foi interpretado como um fracasso pessoal de May, que tentava nas urnas uma maioria mais ampla para chegar em uma posição de força nas negociações do Brexit.

Merkel destacou que apesar da saída dos britânicos da UE, seu governo deseja ter uma boa relação com Londres.

"A Grã-Bretanha é parte da Europa, mesmo que não seja parte da UE no futuro, é parte da Otan e temos muitos desafios comuns".

May chegou ao cargo de premier após o referendo que aprovou o Brexit.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.