Chuvas torrenciais deixam 111 mortos em Bangladesh

A polícia advertiu que o balanço pode aumentar, pois as equipes de emergência ainda não chegaram a algumas áreas afetadas de difícil acesso, que ficaram sem conexão telefônica nem transporte

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 13/06/2017 14:49

Ao menos 111 pessoas morreram em consequência das fortes chuvas e deslizamentos de terra no sudeste de Bangladesh, de acordo com um balanço atualizado divulgado nesta terça-feira pelas autoridades.



A polícia advertiu que o balanço pode aumentar, pois as equipes de emergência ainda não chegaram a algumas áreas afetadas de difícil acesso, que ficaram sem conexão telefônica nem transporte.

"As tarefas de resgate prosseguem", disse à AFP o comandante do Departamento de Gestão de Desastres, Reaz Ahmed.

"O número de mortos pode aumentar, já que muitas áreas continuam inacessíveis", completou.

Muitas vítimas foram registradas nos distritos de Rangamati, Bandarban e Chittagong, que segundo o serviço meteorológico são afetados desde segunda-feira por chuvas torrenciais.

Em Rangamati, perto da fronteira com a Índia, pelo menos 75 pessoas morreram em deslizamentos de terra.

"Algumas das vítimas dormiam em suas casas quando os deslizamentos aconteceram", declarou à AFP o chefe da polícia local, Sayed Tariqul Hasan. "Retiramos alguns moradores da área e os levamos para locais seguros", acrescentou.

 

Leia mais em Mundo

 

No distrito vizinho de Bandarban, foram registradas seis mortos - incluindo três crianças - e ao menos outras 30 vítimas em Chittagong.

As fortes chuvas acontecem duas semanas após a passagem do ciclone Mora, que provocou a morte de pelo menos oito pessoas em Bangladesh e afetou dezenas de milhares de casas.

As chuvas também afetaram a capital Dacca e o porto de Chittagong.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.