Homem é morto após ataque a soldados israelenses na Cisjordânia

Desde outubro de 2015, a onda de violência em Israel e nos Territórios palestinos levou à morte de 284 palestinos, 44 israelenses, dois americanos, dois jordanianos, um eritreu, um sudanês e uma britânica

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 20/07/2017 09:23

Um homem foi abatido no sul de Belém, na Cisjordânia, nesta quinta-feira (20/7), após tentar apunhalar soldados israelenses - informou o Exército de Israel.

"Um agressor armado com uma faca tentou apunhalar soldados (israelenses) no nível de um posto de controle em Tekoa. Em resposta à ameaça imediata, as forças abriram fogo na direção do agressor", indicou o Exército em um comunicado, acrescentando que nenhum soldado ficou ferido.


Na semana passada, um palestino lançou o carro que dirigia contra soldados israelenses e tentou esfaqueá-los nesse mesmo posto. Desde outubro de 2015, a onda de violência em Israel e nos Territórios palestinos levou à morte de 284 palestinos, 44 israelenses, dois americanos, dois jordanianos, um eritreu, um sudanês e uma britânica, de acordo com balanço da AFP.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.