Helicóptero da ONU cai no Mali com 2 pessoas a bordo

"Para nós, foi um acidente", declarou à AFP um membro da Minusma em Gao (norte do Mali), que pediu para não ser identificada

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/07/2017 13:33

Bamako, Mali  - Um helicóptero da Missão das Nações Unidas no Mali (Minusma) caiu acidentalmente nesta quarta-feira (26/7)  no norte do país, com duas pessoas a bordo, anunciou um porta-voz da ONU. A Minusma enviou uma equipe ao local da queda para determinar o que aconteceu com a tripulação e as circunstâncias do incidente, indicou Farhan Haq.

"Para nós, foi um acidente", declarou à AFP um membro da Minusma em Gao (norte do Mali), que pediu para não ser identificada. A autoridade explicou que, "neste momento, nada leva a crer que o aparelho foi abatido ou que foi atingido por tiros". O norte do Mali caiu entre março e abril de 2012 nas mãos de grupos extremistas ligados à rede Al-Qaeda.

Esses grupos foram, em grande parte, expulsos da região por uma operação militar internacional lançada em fevereiro de 2013 e conduzida pela França.

Contudo, várias partes do país fogem ao controle das forças do Mali e da Minusma (que conta com 12 mil homens), alvos regulares de atentados, apesar da assinatura em 2015 de um acordo de paz. Desde 2015, esses ataques avançaram ao centro e ao sul do Mali, e o fenômeno tem atingido os países vizinhos, particularmente Burkina Faso e Níger.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.