PF cumpre 21 mandados de prisão por desvio de verbas de merenda no Rio

Segundo a PF, o grupo é suspeito de criar um cartel criminoso de empresas do ramo alimentício e de prestação de serviços, para desviar os recursos públicos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 06/10/2017 08:43

Agentes da Polícia Federal (PF) cumprem 21 mandados de prisão temporária nesta sexta-feira (6/10) na região metropolitana do Rio de Janeiro, contra suspeitos de desvio de recursos públicos destinados à merenda escolar no estado. Segundo a PF, o grupo é suspeito de criar um cartel criminoso de empresas do ramo alimentício e de prestação de serviços, para desviar os recursos públicos.

O grupo atua em municípios como o Rio de Janeiro, Niterói e Duque de Caxias. A chamada Operação Inópia também cumpre 30 mandados de busca e apreensão nessas cidades.

Investigação da PF, em parceria com a Controladoria-Geral da União, a Receita Federal e o Ministério Público Federal, identificou diversos procedimentos licitatórios viciados, com indícios de direcionamento das licitações, superfaturamento, corrupção, blindagem patrimonial, lavagem de dinheiro e uso de empresas constituídas em nome de “laranjas”.

Eles serão indiciados por formação de cartel, crime de licitações e corrupção ativa, dentre outros. A PF não divulgou o nome dos presos, das empresas investigadas ou de seus sócios, que permanecerão em sigilo por determinação judicial.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.