Grupo Estado Islâmico reivindica triplo ataque suicida em Damasco

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), as vítimas fatais foram cinco

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 11/10/2017 15:23

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) reivindicou nesta quarta-feira (11/10) um triplo atentado suicida perto do quartel-general da Polícia síria em Damasco, que deixou ao menos dois mortos.



Dois dos atacantes "entraram no edifício do quartel-general e lutaram com os que estavam dentro (...) Em seguida, detonaram seus coletes explosivos", informou o EI em um comunicado, transmitido pela plataforma de mensagens Telegram.


"Após este ataque, um terceiro homem também fez explodir a carga que levava nos arredores do quartel", explicou o grupo.

Dois policiais morreram e seis pessoas ficaram feridas, entre elas duas crianças, informou o Ministério do Interior.

 

Leia mais notícias em Mundo

 

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), as vítimas fatais foram cinco. Trata-se do segundo ataque suicida na capital síria reivindicado pelo EI em menos de duas semanas.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.