BRASIL / POLÍTICA

Índice de faculdades que tiveram alunos reprovados na OAB é de 13%

Larissa Leite

Publicação: 05/07/2011 08:00 Atualização: 05/07/2011 10:46

Segundo o presidente da OAB, Ophir Cavalcante, os dados serão enviados hoje ao Ministério da Educação (Gustavo Moreno/CB/D.A Press - 7/3/10)
Segundo o presidente da OAB, Ophir Cavalcante, os dados serão enviados hoje ao Ministério da Educação
O ministro da Educação, Fernando Haddad, receberá uma missão da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB): supervisionar as faculdades de direito que não aprovam estudantes no Exame de Ordem. O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, apresentará oficialmente os dados do último exame à pasta da educação: 81 das 610 faculdades que submeteram estudantes do último ano do curso não tiveram nenhum candidato aprovado — um índice de 13%. De acordo com a OAB, essa avaliação será feita também nos próximos exames, quando será observada uma possível reincidência. O presidente da OAB iniciou um estudo sobre a viabilidade de tentar punir as faculdades — inclusive com o fechamento do curso — por via judicial.

“O aluno não pode ser o único prejudicado pelo péssimo ensino. A OAB está cumprindo a sua parte e vai tomar providências em relação às faculdades sem qualidade”, afirmou o coordenador nacional do Exame de Ordem e secretário-geral da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coelho. Das faculdades sem nenhuma aprovação, três estão localizadas no Distrito Federal: Faculdades Integradas Unicesp, Fortium e Faculdade Espam, incorporada à Faculdade Projeção. Elas tiveram, respectivamente, um, dois e oito inscritos no último exame. De acordo com o coordenador, a maioria dos 81 cursos apresentou mais de 40 inscritos e, no caso das instituições do DF, a reprovação pode não representar a má qualidade do ensino, em função do baixo número de inscritos.

A coordenação do curso de direito da Unicesp informou que legitima o Exame da Ordem, mas reiterou que a proporcionalidade dos aprovados foi relatada de forma distorcida, já que a reprovação de um único aluno representou 100% de reprovação. Procurado pelo Correio, o diretor administrativo da Faculdade Projeção, Lauri Tadeu Martins, disse que não existe um resultado oficial da prova. “Pelo nosso controle, temos 10 alunos aprovados.” A direção da Fortium não foi encontrada pela reportagem.

A OAB divulgou também as sete instituições com melhor desempenho no exame. A Universidade de Brasília (UnB) faz parte da lista. Segundo Marcus Vinícius, a grande maioria das faculdades sem aprovação representam instituições totalmente desvinculadas do ambiente jurídico da pesquisa.

O coordenador critica ainda postura do MEC em relação à criação de novos cursos. “Eles autorizam a criação de novos cursos de forma desproporcional, não razoável. Já temos mais de 1.100 faculdades de direito e eles aprovaram mais 40 faculdades neste ano”, afirmou.

Esta matéria tem: (15) comentários

Autor: Ueslei Lima
Tá enganada (o) Australene Lopes, a partir do 9º semestre vc já pode participar do exame, ou seja, quem fez agora pode muito bem estar se formando somente em dezembro. | Denuncie |

Autor: Ueslei Lima
Muito bem Bruno. | Denuncie |

Autor: Ueslei Lima
Concordo com vc Eduardo, bacharel NÃO É ADVOGADO, advogado é quem foi aprovado do exame da ordem. | Denuncie |

Autor: Ueslei Lima
kkkkkkkk Lá vem o cara com o lenga-lenga de novo. "Bullying" é demais ...mal sabe ele que se a OAB aceitasse a inscrição e cobrasse a anuidade, arrecadaria muito mais que arrecada com as inscrições, já que paga pela realização da prova. Quem está "apto" para o exercício da advocacia são os aprovados. | Denuncie |

Autor: Australene Lopes
Faculdades ICESP/Promove de Brasília irá formar a sua primeira turma em dezembro desse ano. Assim, não existe, até o momento, nenhum aluno graduado pela Instituição. Sendo assim a lista divulgada pela OAB não condiz com a realidade da instituição e nem dos alunos. Deve retificar a nota. | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
a privação do emprego é um ataque frontal aos direitos humanos. O STF deverá cumprir com zelo, dedicação, pertinácia e denodo e com absoluta independência moral, os elevados objetivos norteadores de sua criação, inclusive tem que dar um basta nesse leviatã, (OAB), tem q extirpar esse Bullying Social | Denuncie |

Autor: Anilton Moccio
E ainda "tem gente" que quer acabar com o exame da OAB, será a falencia total de nossa justiça. | Denuncie |

Autor: Bruno Barros
Concurso para juiz, cândido? UnB aprova de 70% a 90% dos alunos inscritos por prova da OAB. Concurso de juiz sobra vaga pois não tem quem consiga passar. A prova é o mínimo que se espera de um advogado, apesar de não ser 100% correta. | Denuncie |

Autor: eduardo eduardosouza
Faculdade de Direito é máquina de fazer dinheiro e doutores sem doutorado. | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
Q o Egrégio STF mire-se na celeridade e no exemplo humanitário e moralizador do T Constitucional de Portugal que julgou inconstitucional o Exame de Ordem, em respeito à Constituição, ao Estado de Direito e aos Direitos Humanos. vAMOS HUMANIZAAR A OAB. EXTIRPANDO ESSE BULLYING SOCIAL URGENTE. | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
STF e PGR celeridade no RE nº603.583 q visa extirpar do nosso ordenamento jurídico o caça-níqueis Exame da OAB (Bullying Social). Os tiranos acabam vítimas da fraqueza das leis que eles próprios corromperam." (Louis Antoine de Saint-Just). . TC PORTUGAL JÁ BANIU ESSE CÃNCER (EXAME ORDEM) BULLYING SOC | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
OAB Abocanha R$ 66 milhões por ano s/ prestar contas ao TCU, tosquiando e extorquindo c/ altas taxas R$ 200,00 enquanto taxas do ENEM são apenas R$ 35,00 jogando ao infortúnio milhares de BEL. (Adv) aptos po exercício da Advocacia, gerando fome desemprego e doenças psico. STF tem q banir Bullying | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
"Palmas" p/jogo de cena da OAB.Às vésperas STF julgar o RE 603.583, p/ continuar usurpando atribuições do Estado (MEC),extorquindo/tosquiando c/altas taxas. Abocanha R$ 66 milhões por ano e jogando ao banimento milhares de Bel. (Adv).gerando fome desemprgo e doenças psico. STF tem q BANIR BULLYING | Denuncie |

Autor: cândido dos santos filho
Não questiono a qualidade do ensino em geral, mas já se pensou no preço da inscrição cobrado pela OAB, que não é devolvido, e no alto nível das questões apresentadas? Coisa de concurso para Juiz, promotor, etc.? | Denuncie |

Autor: Leandro Leite
Eu passei! Quero deixar bem claro que a correção da segunda fase da OAB não é nenhum graduado em direito que faz, sendo que o candidato explica exaustivamente o tema e mesmo assim não ganha nenhuma pontuação preliminar, consequentemente ganhará tal pontuação em grau de recurso. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE