BRASIL / ECONOMIA / POLÍTICA
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Fundador da Amazon compra jornal The Washington Post por US$250 milhões Bezos comprou a título pessoal, sem envolver a Amazon, apenas a divisão de imprensa do grupo The Washington Post

France Presse

Publicação: 05/08/2013 18:17 Atualização: 05/08/2013 21:51

NOVA YORK - O conglomerado The Washington Post anunciou nesta segunda-feira (5/8) que vendeu suas atividades de edição, incluindo o jornal de mesmo nome, ao fundador e presidente da Amazon, Jeff Bezos, por 250 milhões de dólares.

Leia mais notícias em Economia

Bezos comprou a título pessoal, sem envolver a Amazon, apenas a divisão de imprensa do grupo The Washington Post, que também administra serviços de televisão, rádio e cabo, entre outros.


Este surpreendente anúncio foi feito dias depois de o The New York Times anunciar que aceitou vender o jornal The Boston Globe por 70 milhões de dólares a um investidor norte-americano e proprietário do Liverpool inglês e o Red Sox de Boston.

"Decidimos vender depois que, após administrar durante anos as dificultades do setor, nos demos conta de que poderia haver outro dono que fosse melhor para o Post", disse Donald Graham, presidente e diretor do The Washington Post Company.

"A conhecida tecnologia de Jeff Bezos e seu talento para os negócios, seu olhar a longo prazo e sua integridade pessoal o transformam na pessoa (indicada) para ser dona do 'Post'", acrescentou.

"Entendo o papel crucial que o jornal possui em Washington e em nosso país e os valores do Post não vão mudar", prometeu Bezos. "A internet está transformando quase todos os elementos do negócio das notícias: encurtando os ciclos das notícias, erodindo as fontes de recursos em que já se confiou largamente e permitindo novas formas de concorrência", apontou.

"Não há mapa e traçar um caminho para o futuro não será fácil. Precisaremos inventar, o que significa que precisaremos experimentar". A venda manifesta o desespero do setor para obter novos apoios econômicos que permitam sobreviver à rápida transição do papel à Internet, onde o acesso a grandes quantidades de notícias continua sendo grátis.

O anúncio foi feito dias depois de o The New York Times informar que aceitou vender o jornal The Boston Globe por 70 milhões de dólares a um investidor norte-americano e proprietário do Liverpool inglês e o Red Sox de Boston. The Washington Post é um dos jornais de referência nos Estados Unidos. Recentemente revelou, junto com o britânico The Guardian, os programas de espionagem realizados pelas agências de inteligência norte-americanas.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.