política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Líderes da oposição empenharam 26% a menos em emendas parlamentares em 2013

Andre Shalders - Correio Braziliense

Publicação: 31/12/2013 07:05 Atualização: 30/12/2013 20:55

Sarney Filho é o campeão em emendas liberadas este ano (Fábio Rodrigues/Pozzebom - 25/5/12)
Sarney Filho é o campeão em emendas liberadas este ano

 

Um levantamento atualizado no fim da tarde de ontem mostra que os líderes da oposição ao governo Dilma na Câmara dos Deputados empenharam, em média, 26% a menos em emendas parlamentares em 2013. Enquanto as lideranças partidárias da base aliada empenharam, em média, R$ 10,267 milhões, os líderes dos cinco partidos de oposição e o líder da minoria, Nilson Leitão (PSDB-MT), conseguiram pouco mais de R$ 8,1 milhões. O empenho não garante a aplicação dos recursos, mas sem ele é impossível que a emenda chegue a se tornar realidade. Ao todo, os líderes partidários já haviam empenhado cerca de R$ 248 milhões este ano.

Leia mais notícias em Política


Entre os oposicionistas, o que mais conseguiu emplacar emendas foi o líder do PSDB, o paulista Carlos Sampaio, com pouco mais de R$ 12 milhões. Entre os chefes da base, o mais bem sucedido foi o deputado Sarney Filho (PMDB-MA). Apesar de comandar uma bancada de apenas nove parlamentares, o maranhense emplacou, até agora, R$ 14,5 milhões. Sarney Filho tem até o fim do expediente de hoje para emplacar uma última emenda, de R$ 500 mil, e atingir o limite do valor de R$ 15 milhões destinado aos líderes partidários e aos integrantes da Comissão Mista de Orçamento (CMO).

Para os demais parlamentares, o limite é de R$ 10 milhões, embora a maioria fique longe disso. “Algumas emendas são empenhadas de forma retroativa no começo de janeiro, mas é um montante pequeno”, conta o consultor legislativo da liderança do PSC Thiago Vesely, autor do levantamento. Ele diz ainda que a corrida pelas emendas de 2013 prosseguirá até as 23h de hoje.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.