política
  • (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

"Enquanto os cães ladram, a nossa caravana passa", publica Eduardo Campos Segundo o jornal O Globo, Eduardo teria comentado que não estava acreditando no conteúdo da nota petista e que via na atitude desespero e fuga do debate que interessa o ao país

Josué Nogueira

Publicação: 08/01/2014 16:59 Atualização:

Eduardo Campos é pré-candidato a presidência da República em 2014 (Carlos Moura/CB/DA Press)
Eduardo Campos é pré-candidato a presidência da República em 2014

Pelo Facebook, o governador Eduardo Campos deu, nesta quarta (8/1) sua resposta aos ataques destinados a ele pelo PT, nessa terça(7/1), também na internet.

Em nota não assinada, o partido de Dilma chama o governador de “playboy mimado”, “tolo” e obra da “boa vontade” do ex-presidente Lula.

Em nota, assinada pelo deputado do PSB gaúcho e um dos coordenadores da pré-campanha de Eduardo ao Planalto, rebateu o PT. Ele disse que o desespero do PT demonstra a força das ideias e do debate que o PSB está propondo”.

Leia mais notícias em Política

Segundo o jornal O Globo, Eduardo teria comentado que não estava acreditando no conteúdo da nota petista e que via na atitude desespero e fuga do debate que interessa o ao país.

Pois nesta quarta, a conta do presidenciável socialista publicou o seguinte:

“A esta altura do dia, a maior parte de vocês devem ter tido conhecimento do ataque covarde desferido contra mim. Não irei me pronunciar sobre o assunto, tudo o que é preciso dizer foi dito pelo vice-presidente do meu partido, o deputado Beto Albuquerque, na nota em anexo.

Em respeito às inúmeras pessoas que mandaram mensagens, direi apenas que sigo firme no debate de alto nível sobre o Brasil, sobre a construção de uma nova política que transforme verdadeiramente a vida das pessoas e do País.

O resto a gente ignora. Porque, enquanto os cães ladram, a nossa caravana passa. Vamos em frente, pessoal”.
Tags: campos eduardo

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: Hildo Evaristo
Políticos: Foco no Orçamento ao invés do POVO que usam como instrumento para o primeiro. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.