política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Suíça bloqueia contas por suspeita de envolvimento no mensalão do DEM A justiça acredita que US$ 6,8 milhões estariam distribuídos em nove contas de Genebra e Zurique

Publicação: 16/01/2014 21:29 Atualização: 16/01/2014 21:43

Após ser informada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) em setembro de 2012, a Justiça da Suíça teria bloqueado nove contas secretas em Genebra e Zurique por suspeitar que cerca de US$ 6,8 milhões estivessem ligados ao "mensalão do DEM" - como ficou conhecido o esquema de corrupção envolvendo o ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda. As informações foram publicadas no jornal Estado de São Paulo nesta quinta-feira (16/1).

Leia mais notícias em Política

Antes de contactar a justiça suíça, a PGR denunciou 37 pessoas suspeitas de envolvimento no esquema de desvio e atos de corrupção ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), com acusações de desvio de dinheiro público. A reportagem ainda menciona o envolvimento de um "ex-governador do Distrito Federal suspeito de ser o responsável pela organização criminal ativa em atos de corrupção visados pelo procedimento estrangeiro".

Ao se defender das acusações, Arrruda disse, por meio do advogado que "essa informação circula desde 2009, mas nunca houve comprovação, tanto que isso não consta de nenhum processo. Devem ter retomado o assunto por causa da proximidade com as eleições".

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.