política
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Mercadante deve deixar o Ministério da Educação e assumir a Casa Civil A transição deverá ocorrer no próximo fim de semana, quando a atual titular da pasta retorna de férias. Gleisi Hoffman deve renunciar ao cargo para se dedicar à campanha ao governo do Paraná

Publicação: 20/01/2014 15:54 Atualização: 20/01/2014 18:59

Aloizio Mercadante deve deixar o Ministério da Educação para assumir o Ministério da Casa Civil (Valter Campanato/ABr)
Aloizio Mercadante deve deixar o Ministério da Educação para assumir o Ministério da Casa Civil

O petista Aloizio Mercadante, ministro da Educação, deve ser deslocado e assumir o Ministério da Casa Civil, segundo informações do jornal 'Folha de São Paulo'. A transição deverá ocorrer no próximo fim de semana, quando a atual titular da pasta, Gleisi Hoffmann, retorna a Brasília após um período de férias.

Segundo a Folha, o convite para assumir o Casa Civil foi feito a Mercadante no último sábado (18/1). Apesar de ainda não ter sido anunciado como substituto de Hoffman, Mercadante está no Ministério da Casa Civil desde a manhã desta segunda-feira (20/1).

A atual ministra da pasta, Gleisi Hoffman, deve renunciar ao Ministério para se dedicar à campanha ao governo do Paraná. Pela atual legislação, ministros que querem disputar as próximas eleições precisam deixar o cargo até o início de abril.

Leia mais notícias em Política


Em dezembro do ano passado, Gleisi já havia dito que pretendia deixar o cargo. “Não quero misturar as funções enquanto ainda estiver aqui”, disse na época.

 

Mercadante reuniu-se com Dilma, esta tarde. Também estavam no encontro, o ex-presidente, Lula, o chefe do gabinete da presidente, Giles Azevedo, e o ex-ministro de comunicação social, Franklin Martins. 

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Imelton Azevedo
Nunca foi ministro da Educação mesmo. Papagaio de pirata irá deixar péssimos números para a Educação do Brasil. | Denuncie |

Autor: VASCO VASCONCELOS
Isso é premiar a inoperância.Esse Senhor se curvou p/os mercenários da OAB, e não tem força de abolir a escravidão contemporânea da OAB.São 16 anos usurpando papel do Estado (MEC), triturando sonhos de jovens e e idosos, gerando fome, desemrprego.Uma chaga social que envergonha o país. BASTA | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas