política
  • (7) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Chioro anuncia que cubanos do Mais Médicos terão reajuste em salários A partir de março, os médicos passarão a receber US$ 1.245, 25% a mais

Julia Chaib

Publicação: 28/02/2014 13:40 Atualização: 28/02/2014 17:37

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, fez questão de ressaltar que não houve aumento dos valores repassados pelo governo brasileiro pela cooperação internacional (Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil)
O ministro da Saúde, Arthur Chioro, fez questão de ressaltar que não houve aumento dos valores repassados pelo governo brasileiro pela cooperação internacional


O ministro da Saúde, Arthur Chioro, anunciou nesta sexta-feira (28/2) que o valor recebido pelos cubanos que atuam no programa Mais Médicos no Brasil será alterado. A partir de março, eles receberão US$ 1.245, o equivalente a cerca de RS 3 mil, conforme adiantou o Correio no início do mês. As negociações com o governo de Cuba foram no sentido de alterar a lógica de pagamento. Os cubanos recebiam US$ 1.000 -- US$ 400 no Brasil e outros U$ 600 na ilha caribenha --, que passarão a ser recebidos aqui. O aumento efetivo do salário, então, foi apenas de US$ 245, que deixarão de ser repassados aos cofres de Cuba.

Segundo Chioro, as negociações para a mudança do pagamento estavam em curso desde o fim do ano passado. Ele afirma que essa é uma demanda da presidente Dilma Rousseff para que os cubanos tivessem condições dignas de vida no país. “Usamos como referência o valor do médico residente no Brasil”, disse o ministro. O contrato com Cuba é intermediado pela Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), que repassa US$ 10 mil por profissional, o mesmo valor recebido integralmente por outros participantes do programa.

Leia mais notícias em Política

De acordo com o relato da médica cubana desertora, Ramona Matos, US$ 400 dólares são recebidos no Brasil, US$ 600 em Cuba, que só poderiam ser movimentados quando ela retornasse ao país, e mais US$ 50 que podiam ser movimentados por membros de sua família. O resto, fica com o governo cubano.

Meta

Atualmente há cerca de 7,6 mil médicos atuando nos postos de saúde pelo programa, sendo 5,4 mil cubanos. A meta estabelecida pela presidente Dilma Rousseff é a de atingir 13 mil profissionais no Mais Médicos, o que será atingido, segundo Chioro. Já há mais de 2 mil outros profissionais fazendo o módulo de treinamento de quatro semanas para que possam começar a trabalhar, o que totaliza 9,5 mil médicos. Pouco depois do carnaval, o governo deve anunciar a chegada de outros profissionais brasileiros, cubanos e outros estrangeiros.

Esta matéria tem: (7) comentários

Autor: Fausto Jose de Oliveira
Que Democracia é essa que trata os cidadãos, independente de suas Nacionalidades, de forma diferente? Como explicar remuneração inferior,se o cidadão exerce a mesma função? Não encontro outra explicação, se não de que essa,é a nova forma de escravidão moderna. Uma vergonha, para um País democrático. | Denuncie |

Autor: edson oliveira
Continua sendo uma vergonha esse acordo feito pelo Ministro da Saude, para a vinda dos médicos cubanos. O MP deveria investigar o acordo e quem mais foi responsável por essa vergonha, mesmo que seja a Presidente da República, e puni-los.- | Denuncie |

Autor: Roberto E Duardo
Escravidão e pt final! | Denuncie |

Autor: Alessandro Santos
E o salário dos brasileiros, como fica? PT nunca mais! | Denuncie |

Autor: Leandro Rodrigues
Peraí, a matéria aponta que o governo repassa US$ 10 mil (dez mil dolares) equivale a R$ 23.357,0096 (reais). Se for assim a "nossa contribuição" ao governo Cubano é muito maior do que eu imaginava. Não seria, U$ 4.281,37 que equivale a R$ 10.000,00 pago aos demais médicos do mais médicos? Não | Denuncie |

Autor: dimas moreira
Pura enganação. Aí tem! É dever da imprensa investigar para onde está indo o valor da diferença. A era da escravidão está retornando. | Denuncie |

Autor: Alan Cavalcante
"...o resto fica com o governo cubano". Isso é uma vergonha internacional. Comunistas malditos promovendo o trabalho escravo debaixo do nariz de todos, mas com maquiagem de "visão social". Lamentável | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas