política
  • (4) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

João Lyra faz seu primeiro discurso como governador de Pernambuco Ele disse que irá dar sequência às ações de Eduardo Campos e que vai fazer o possível para continuar o trabalho de interiorização do desenvolvimento do estado

Diário de Pernambuco

Publicação: 04/04/2014 16:43 Atualização:

Após assinar o termo de posse como governador do estado, o João Lyra Neto (PSB) faz, na Assembleia Legislativa, seu primeiro discurso como governador. Pelas primeiras palavras, o socialista indica que deve reforçar as políticas para o desenvolvimento do interior do estado.

João Lyra disse que irá dar sequência às ações de Eduardo Campos e que vai fazer o possível para continuar o trabalho de interiorização do desenvolvimento do estado, levando indústrias e incentivando o turismo interno. O novo governador também destacou a necessidade de fomentar políticas para o semiárido. "Não me conformo com as políticas paliativas que retardam o desenvolvimento. "Vou mobilizar a inteligência pernambucana para criar alternativas de convivência com o semiárido", disse.

O novo governador destacou também a criação da Secretaria de Microempresa, dizendo que 99,2% das empresas brasileiras são micro. A distribuição de ICMS para o setor pelo governo do estado é alvo de críticas do senador Armando Monteiro Neto (PTB), pré-candidato ao governo do estado.

Leia mais notícias em Política


"Queria neste dia histórico fazer uma homenagem às pessoas que lutaram contra a Ditadura como o meu pai, João Lyra Filho, que foi preso político, além de Marcones Gadelha, Valter Silva, Marcos Freire e Severo Lago, entre outros. Graças a mobilização deste grupo o MDB vencia...", discursou Lyra. Em outro momento, ele ressaltou a importãncia da oposição na Assembleia Legislativa como agente fortalecedor da democracia.

"Quero ratificar todos os compromissos de Eduardo Campos assumidos em 2006. Vou trabalhar intesamente para cumprir essas tarefas e concluir uma das mais exitosas gestões que já passaram por Pernambuco", declarou Lyra aos 36 minutos de discurso.

Entre os presentes estão o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB), o deputado federal Raul Henry (PMDB), o ex-ministro da Integração Nacional e pré-candidato ao Senado Fernando Bezerra Coelho (PSB), além dos deputados estaduais e outras lideranças políticas.

Com informações dos repórteres Júlia Schiaffarino e Franco Benites, do Diario de Pernambuco

Esta matéria tem: (4) comentários

Autor: José Silva
Eduardo sai e deixa a pior empresa de águas no pior caos! É a famosa compesa, que os da imprensa Marrom fizeram por esconder o Dudu Precatorius dos males dessa pior empresa pernambucana. O Brasil merece coisa bem melhor. Fora Dudu! | Denuncie |

Autor: José Silva
E como se diz aqui no Nordeste, "Mais Tempo Trouxa". Com a saída do Eduardo Campos. Somente os comentaristas da imprensa Marrom vão sentir sua falta. Pois, ganharam muito dinheiro do Eduardo, para dizer que ele era o melhor do mundo. É mole! | Denuncie |

Autor: José Silva
Lula, o rei Mydias, virá a Pernambuco. Quando essa notícia se espalha, Dudu Precatorius treme nas bases. O menino raivoso sabe que onde Lula põe a mão, tal como o Rei Mydias, tudo cresce. Haja vista que Eduardo agiu com o dinheiro federal para se projetar e negar ações do governo federal. É vergonha! | Denuncie |

Autor: José Silva
As classes obreiras de Pernambuco estão felizes com a saída de Eduardo Campos, vulgo Dudu Precatorius, considerando o mal trato dado por Dudu raivoso, aos profissionais da saúde, da segurança, dos professores, entre outras categorias que não querem nem lembranças do menino mau e raivoso e deselegante | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas