política
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Comissão do Senado aprova parecer favorável à CPI da Petrobras ampliada Se a decisão for mantida, além de irregularidades na Petrobras, os senadores vão apurar também irregularidades no metrô de São Paulo, do Distrito Federal e nas atividades do Porto de Suape, em Pernambuco

Agência Brasil

Publicação: 09/04/2014 13:16 Atualização:

Está pronto para ir a votação no plenário do Senado o parecer do senador Romero Jucá (PMDB-RR), aprovado nesta quarta-feira (9/3) pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), favorável à instalação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) mais ampla. Se a decisão for mantida, além de irregularidades na Petrobras, como a compra da Refinaria de Pasadena, no Texas (EUA), os senadores vão apurar também irregularidades no metrô de São Paulo, do Distrito Federal e nas atividades do Porto de Suape, em Pernambuco. Apesar disso, a palavra final sobre o alcance da investigação deve ficar a cargo do Supremo Tribunal Federal (STF).

A sessão da CCJ foi tensa, com troca de acusações constantes entre governo e oposição, que depois de ter uma questão de ordem, proposta pelo líder do PSDB, senador Aloysio Nunes (SP), rejeitada por 13 votos a 10, decidiu se retirar da comissão sem participar da votação do relatório de Jucá. “Com essa decisão vergonhosa, respaldada pela maioria governista, o Congresso acaba de abrir mão de uma de suas mais importantes prerrogativas, que é a de investigar as ações do Poder Executivo. Retiraram das minorias um direito constitucional”, disse Aécio Neves (PSDB-MG). Ele comparou a decisão da CCJ com o Ato Institucional 5 (AI-5), editado no regime militar.

Leia mais notícias em Política

Enquanto a oposição, por meio de um mandado de segurança impetrado nessa terça-feira (8/4), no STF, cobra a instalação imediata de uma comissão específica para apurar denúncias envolvendo a estatal - argumentando que a inclusão de fatos alheios à esfera da estatal fere o direito da minoria de fiscalizar o governo -, a base de apoio da presidenta Dilma Rousseff alega que os novos temas, assim como a Petrobras, estão interligados por usar recursos federais.

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Edeilson Rocha
Não se iludam, da forma que essa CPI foi aprovada tem como objetivo único livrar a cara do governo e da presidente. | Denuncie |

Autor: José A. S. Neto
Com certeza a oposição não vão querer mais ! ! ! k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k k | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas