política
  • (6) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Deputado André Vargas avisa que voltará depois da semana santa Investigado por quebra de decoro devido ao envolvimento com doleiro preso pela PF, ele ameaça: "A casa vai cair para alguns"

Paulo de Tarso Lyra - Correio Braziliense

Publicação: 13/04/2014 08:00 Atualização:



Alvo de disparos de aliados e de opositores nos últimos dias, devido às relações suspeitas com o doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava-Jato, da Polícia Federal, o deputado André Vargas (PT-PR) não sairá da linha de tiro e decidiu nova estratégia: partir para o ataque. Na sexta-feira, ele desistiu da licença de 60 dias do mandato, apesar de ter renunciado ao cargo de vice-presidente da Câmara, e avisou que voltará ao Congresso depois da semana santa. Pelas redes sociais, o petista afirmou que “se defenderá de cabeça erguida”. Em conversa com um blog paranaense, do qual é colunista, reafirmou a disposição para prestar esclarecimentos e deixou no ar uma ameaça. “Vou provar a minha inocência. A verdade prevalecerá. Ainda não tive o direito à defesa, mas, adianto, vou exercê-lo na plenitude. A casa vai cair para alguns”, prometeu, sem dizer quem são esses “alguns”.

Vargas é um dos petistas mais influentes no Paraná e trabalhou intensamente para eleger Gleisi Hoffmann (PT-PR) para o Senado, em 2010. O PT paranaense já tinha decidido, há pouco mais de um mês — antes de estourar a crise envolvendo o deputado —, que parlamentares com mandato e postulantes à reeleição não participariam da coordenação de campanha de Gleisi ao governo estadual. A decisão, agora, se mostra mais do que sensata. Tanto ela quanto o marido, o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, sabem que o tema será explorado pelo atual governador, o tucano Beto Richa, candidato à reeleição. “Uma situação como essa nunca é boa”, ponderou Gleisi.

“Ele (André Vargas) sempre foi trabalhador, mas também sempre foi briguento. Conseguiu muito dinheiro para as prefeituras do interior do Paraná. Deve ter apoiado mais ou menos 100 prefeituras”, disse ao Correio o deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR). O tucano, contudo, não sabe dizer se o apoio financeiro decorre de possíveis ligações com o doleiro Alberto Youssef. Segundo Hauly, a atuação do doleiro na política paranaense remonta a 1996, quando ele teria ajudado a eleger prefeito de Londrina Antonio Belinati, então no PDT, mesmo partido do governador Jaime Lerner à época. De lá para cá, o prestígio de Youssef na política local aumentou.
 
A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.
Tags:

Esta matéria tem: (6) comentários

Autor: raimundo perna
Vai cair nada , INOCENTE,o tal cala a boca já já vai bater no gabinete.Vai perder o mandato e ainda vai ficar calado . Daqui dez anos será julgado e sua pena prescrita . A não ser que um tal de capitão Joaquim garanta a parada . Impossível , já estará aposentado. | Denuncie |

Autor: Enio Silva
O deputado André Vargas junto com sua insignificância deveria pedir para sair, foi pego com as calças no joelho, é um FANFARRÃO!!!!!!!!!!!!! | Denuncie |

Autor: arceu mendes
Para quem falou em uma entrevista que o ministro Joaquim Barbosa não tinha apreço pela Democracia, e que não estava a altura do cargo, será que ai não existe uma inversão de valores ?. | Denuncie |

Autor: ednilson souza
E pensar que eu, e tantos outros, dedicamos nossa juventude, 25, 30 anos das nossas vidas pelo ideal de JUSTIÇA para a classe trabalhadora. DECEPÇÃO total com a chegada do PT ao poder. Dá vontade de pegar essa escória na rua e... | Denuncie |

Autor: henrique gomes
Este canalha junto com sua turma deveriam desaparecer da face da terra. Chega de tanta ladroagem, corrupção...chega de PT! | Denuncie |

Autor: LUIZ SILVA
A nação Brasileira merece. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas