política
  • (11) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Planalto quer colocar a gestão do PSDB nas discussões da CPI da Petrobras Estratégia governista é escolher os principais cargos da CPI e desenterrar problemas na Petrobras ocorridos no governo FHC

Paulo de Tarso Lyra - Correio Braziliense

Publicação: 28/04/2014 06:02 Atualização: 28/04/2014 09:22

Senadores governistas discutem a instalação da CPI da Petrobras: Planalto quer o petista Humberto Costa (E) na presidência da comissão (Marcos Oliveira/Agência Senado)
Senadores governistas discutem a instalação da CPI da Petrobras: Planalto quer o petista Humberto Costa (E) na presidência da comissão


O governo vai ressuscitar dois casos que considera escandalosos durante o governo Fernando Henrique Cardoso para perturbar os tucanos na CPI da Petrobras: a plataforma P-36, que afundou na Bacia de Campos em 2001, e a negociação da estatal para a compra de ativos da espanhola Repsol na Argentina em troca de uma participação na refinaria Alberto Pasqualini, no Rio Grande do Sul. Para os petistas, esses dois casos exemplificam a gestão temerária e lesiva do PSDB à frente da maior empresa brasileira.

A estratégia, sugerida na semana passada, durante reunião dos líderes com os ministros Aloizio Mercadante (Casa Civil) e Ricardo Berzoini (Relações Institucionais), será intensificada a partir de hoje, em uma nova rodada de encontros no Palácio do Planalto. Ciente de que é uma perda de tempo o recurso ao plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) para reverter a decisão de uma CPI restrita à Petrobras, o Planalto tenta, agora, trazer o PSDB para o centro do ringue. “Não somos só nós que temos de explicar coisas. Eles também têm as operações nebulosas que pretendem esconder”, disse um interlocutor palaciano.

Leia mais notícias em Política

A base aliada já vinha ensaiando esse discurso ao lembrar que a compra da refinaria de Pasadena, no Texas — que ensejou o início da corrida pela assinatura para uma CPI da Petrobras —, fazia parte de um planejamento da estatal, iniciado ainda durante o governo Fernando Henrique Cardoso, para ampliar a presença internacional da empresa. Mas faltava o levantamento de dados concretos para arrastar os tucanos à vala comum das irregularidades. A negociação com a Repsol e a tragédia da P-36 surgiram como uma boa oportunidade para isso.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.
Tags:

Esta matéria tem: (11) comentários

Autor: Éder Aquino
Politica sabemos que todos os lados tem "podres", porém nesse caso específico, o que revolta é o PT que sempre faz ao contrário do que prega, as atitudes acabam sendo as mesmas de qualquer partido que vemos neste país, mas sempre fingem serem os grandes honestos salvadores da pátria..Brincadeira!! | Denuncie |

Autor: carlos boeira
É muito oportuna esta CPI. Devem ser levantados todos os indícios de má gestão ocorridos ao longo dos último tempos. CPI é só quando a oposição tem votos suficientes. No gov. FHC nenhuma foi instalada. Agora é a chance de tirar tudo a limpo. São precisas outras CPI's nesse mesmo rumo. Reeleição, etc. | Denuncie |

Autor: REGINALDO RAMOS
Enquanto PT e PSDB brigam uma terceira via pode se fortalecer na Política. Isto lembra o Severino Cavalcanti!!! | Denuncie |

Autor: José A. S. Neto
Quem fez e quanto custou a grande cosulktoria altamente especializada para mudar o nome de PETROBRAS PARA petrobrax e o logotipo ? ? ? ? | Denuncie |

Autor: José A. S. Neto
É claro que tem que ser assim. Por acaso a CPI NÃO É SOBRE A PETROBRAS ? ? ? ---- Ou será que vão querer excluir o epiusódio PETROBRAX ! ! ! --- Alías será quanto custou aquela brincadeira ? ? ? | Denuncie |

Autor: Hélio bezerra
Pois é, acho que o tiro da oposição vai ser dado no próprio pé, esse tipo de recurso da oposição, não funciona, esse filme já foi visto outras vezes....CPI é desespero de causa, e como perdem tempo com isso, é fogo cruzado, é pura falta de visão política e péssimos estrategistas. | Denuncie |

Autor: maria eymard
PREFIRO MIL VEZES FHC,INCLUSIVE FOI NO GOVERNO DELE QUE SE CRIOU A CESTA BÁSICA E ESCOLA,E O PT FEZ DISSO SEU CARRO CHEFE,PRA PEGAR VOTOS DE MISERÁVEIS,E NÃO FOI ESSA A INTENÇÃO QUANDO DO FHC....PT JÁ MORREU E ESQUECEU DE CAIR..O QUE VEMOS É UM FANTASMA IMUNDO.TRAIDOR. | Denuncie |

Autor: Messias Cassemiro cassemiro
Esta matéria esteve fora do ar, pois, não conseguia o seu conteúdo, o que para mim foi motivo de apresentar minha estranheza perante vossas senhorias. Porque não investigar a contratação já encetada para a construção de plataformas por estrangeiros, e que no governo do PT se reverteram ao nacionais? | Denuncie |

Autor: jose junior
Esta é a grande vantagem da democracia! Pois que se levantem "todos os podres"! Muito vantajoso para a nação que exista uma oposição barulhenta! Amadurece a transparência da gestão pública que precisa evuluir muito! | Denuncie |

Autor: Alex Oliveira
Acho que a petezada vai dar um tiro no pé com esta estratégia. Se forem comparar a gestão da empresa durante o Governo FHC com a do PR vai ser um vexame para os vermelhos, basta que se confrontem o números do valor de mercado da empresa, aumento de produção e endividamento. Fora a corrupção. | Denuncie |

Autor: temistocles neto
Olá. Tenho vergonha dessa política que nos rouba, entristece e só pensa em seu poder e não trazer benefícios ao país. Sei que precisam se articular, mas façam para o bem do país. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas