política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Eduardo Campos alfineta a gestão política da presidente Dilma Rousseff O candidato voltou a falar de quebra de polarização entre o PT e PSDB e disse que é possível "governar com os melhores"

João Valadares

Publicação: 03/07/2014 08:19 Atualização: 03/07/2014 08:28

Campos: não fizemos nenhum apoio em troca de cargos, mas em torno de um programa (Minervino Junior/CB/D.A Press)
Campos: não fizemos nenhum apoio em troca de cargos, mas em torno de um programa

Após o PSB firmar aliança com o PT no Rio de Janeiro e com o PSDB em São Paulo, o candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB) declarou, nessa quarta-feira (3/7), em Salvador, que o partido dele não costurou apoio nos estados em troca de cargos e aproveitou a ocasião para alfinetar a gestão política da presidente Dilma Rousseff. “Onde não temos candidatura própria, apoiamos pessoas que se comprometeram com o programa do PSB. Não fizemos nenhum apoio em troca de cargos, mas em torno de um programa”, afirmou.

Leia mais notícias em Política

Campos voltou a falar de quebra de polarização entre o PT e PSDB e disse que é possível “governar com os melhores”. Novamente, apresentou-se como o representante de “um novo ciclo para o Brasil”. Declarou também que é preciso governar “sem entregar pedaços do governo”. Quando chefiou o Executivo de Pernambuco, Campos tinha uma base formada por 14 partidos e alojou na administração grande parte dos aliados que o levou à vitória nas eleições de 2006 e 2010.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas