política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Dilma se reúne com lideranças de partidos para reforçar a aliança Os presidentes do PR, PMDB, Pros, PP, PCdoB, PRB, PSD e PDT serão ouvidos uma vez por semana

Grasielle Castro - Correio Braziliense

Publicação: 23/07/2014 08:25 Atualização:

Depois de reclamarem da falta de participação na organização da campanha de reeleição de Dilma Rousseff, os presidentes dos oito partidos aliados (PR, PMDB, Pros, PP, PCdoB, PRB, PSD e PDT) serão ouvidos uma vez por semana. Nessa terça-feira (23/7), na primeira reunião com o grupo, um dos temas em que os candidatos mais têm urgência em discutir, a definição dos palanques, entretanto, ficou de fora. De acordo com o vice-presidente da República e presidente do PMDB, Michel Temer, o rearranjo local deve ser discutido nos encontros seguintes. O próximo está previsto para terça-feira, e cada presidente partidário poderá levar mais um integrante da legenda.

Em clima de otimismo, o peemedebista ressaltou que ficou definido que os partidos deverão trabalhar para mostrar o que o governo fez. “Nós vamos sensibilizar a base aliada. Cada presidente de partido vai se incumbir do seu e tentar sensibilizá-lo, porque, muitas vezes por questões locais, você não pode ter o líder do partido naquela localidade, mas terá uma grande massa do partido trabalhando conosco, pelo menos assim será no PMDB”, disse Temer.

Leia mais notícias em Política

Nos próximos encontros, a presidente terá que lidar principalmente com duas situações, com os que querem que ela evite subir em apenas um palanque, quando os aliados forem adversários, e com os que não querem que ela interfira nas decisões locais. O presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), foi um dos que pediram ao presidente do partido para que Dilma evite entrar no racha estadual. “A presidente Dilma fez assim na eleição passada. Nos locais onde tinha palanques de mais de um aliado da base, ela fez a programação de campanha dela e quem a apoiava, comparecia ao ato dela. Espero que o modelo seja esse”, disse o peemedebista.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.
Tags:

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas