política
  • (1) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Convocados a depor na Comissão da Verdade não comparecem a reunião Quatro agentes que combateram a guerrilha foram convocados para prestar esclarecimentos, mas nenhum compareceu ao evento

Andre Shalders - Correio Braziliense

Publicação: 13/08/2014 06:01 Atualização: 13/08/2014 08:24

 (Thiago Vilela/ASCOM)


Nenhum dos quatro militares convocados pela Comissão Nacional da Verdade (CNV) compareceu à audiência pública realizada ontem em Brasília para tratar do período da Guerrilha do Araguaia (1967-1974). Um dos ausentes era Sebastião Rodrigues de Moura, conhecido por major Curió. Considerado um dos mais importantes informantes sobre o período, ele teve papel de destaque na organização das operações de inteligência que contribuíram para o fim do foco guerrilheiro. O presidente da CNV, Pedro Dallari, lamentou as ausências. “É muito ruim porque os depoimentos dos militares sobre o Araguaia serão importantes para o esclarecimento dos fatos e para eles apresentarem a versão deles”, disse.

O major Curió foi internado na noite de segunda-feira no Hospital das Forças Armadas (HFA), mas o motivo não foi revelado. Segundo Dallari, o militar informou que pretende colaborar com a comissão. “Nós vamos ouvi-lo, ele já manifestou publicamente o desejo de depor na CNV e oferecemos inclusive a possibilidade de ir até o hospital para colher o depoimento dele. Não vejo o porquê de ele se negar a contribuir com o esclarecimento desse episódio”, completou Dallari.

Leia mais notícias em Política

Os outros militares convocados eram Frederico Cinelli, Thaumaturgo Sotero Vaz e José Conegundes do Nascimento. Cinelli, que tem residência no Rio de Janeiro e em Brasília, não foi localizado pela Polícia Federal para ser intimado. Conegundes foi intimado, mas não compareceu nem justificou a ausência. Já o general da reserva Thaumaturgo Sotero Vaz alegou que “não teria como custear a viagem” de Manaus a Brasília.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.

Esta matéria tem: (1) comentários

Autor: Paulo Costa
Ueh!Somente um lado está sendo intimado por essa palhaçada? E os terroristas, assaltantes de bancos, justiçadores...q hoje são os bandidos q saqueiam cofres públicos...a corja não irá? Podem ir, afinal o Partido das Trevas garante o "gabarito" aos moldes da "elucidação" da roubalheira" na Petrobras! | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

PUBLICIDADE

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.

PUBLICIDADE



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas