política
  • (0) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Corpo de cinegrafista também será velado na sede do governo de Pernambuco A família do cinegrafista Marcelo Lyra, manifestou o desejo de que seu corpo fosse velado juntamente aos do ex-governador Eduardo Campos, do jornalista Carlos Percol e do fotógrafo Alexandre Severo

João Vítor Pascoal

Publicação: 15/08/2014 17:12 Atualização: 15/08/2014 17:18

 (Facebook/Reprodução)
Em entrevista coletiva realizada na tarde desta sexta-feira (15/8) no Palácio do Campo das Princesas, o secretário de Imprensa do Governo de Pernambuco, Ivan Maurício, disse que, por meio de uma ligação, a família do cinegrafista Marcelo Lyra, manifestou o desejo de que seu corpo fosse velado juntamente aos do ex-governador Eduardo Campos, do jornalista Carlos Percol e do fotógrafo Alexandre Severo. Dessa forma, todas as vítimas pernambucanas do acidente aéreo ocorrido na quarta-feira (13), em Santos, serão veladas na sede do governo do estado.

Por isso, por conta da disponibilidade de espaço, cresce a probabilidade de que a cerimônia seja realizada do lado de fora do Palácio, em um palco que já está sendo montado. Na estrutura, o arcebispo de Olinda e Recife Dom Fernando Saburido será o responsável pela condução da Missa de Corpo Presente de Eduardo Campos e das outras vítimas.

Leia mais notícias em Política

Apesar de seguir com o impasse sobre a data e hora do velório, por conta dos trabalhos para identificação dos corpos que estão sendo realizados em São Paulo, o governo do estado organizou uma reunião hoje para definir algumas questões sobre a estrutura e logística que serão organizadas no palácio para a cerimônia.

O encontro contou com a presença de representantes da Secretaria de Saúde, da Secretaria de Defesa Social, Corpo de Bombeiros, Casa Militar e CTTU. Na reunião, ficou definido o trajeto que será realizado pelo caminhão do Corpo de Bombeiros com os caixões saindo da Base Aérea de Recife, com direção ao Palácio do Campo das Princesas, e do Palácio ao Cemitério de Santo Amaro.

Ainda de acordo com Ivan Maurício, duas unidades de saúde serão instaladas para possíveis emergências: uma dentro do Palácio, e uma ao lado do Teatro de Santa Isabel. O secretário afirma que ainda não é possível mensurar a quantidade de pessoas que estarão presentes na cerimônia. Porém, a diretoria do Cemitério de Santo Amaro, onde o corpo do ex-governador será sepultado, trabalha com a possibilidade de receber cerca de 150 mil pessoas.

Esta matéria tem: (0) comentários

Não existem comentários ainda

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas