política
  • (2) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Datafolha e Ibope apontam cenários na corrida eleitoral para o Planalto Em caso de segundo turno, pesquisa mostra que a candidata do PSB leva vantagem sobre a petista e o tucano.

Publicação: 04/09/2014 09:41 Atualização: 04/09/2014 09:57

Duas pesquisas de intenção de votos para presidente da República, realizadas pelos institutos Ibope e Datafolha, divulgadas ontem, mostram a candidata Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, na dianteira. O Ibope indica que a petista, em queda há uma semana, conseguiu reagir e somou três pontos percentuais. A petista saltou de 34%, no levantamento anterior, para 37%. A candidata do PSB, Marina Silva, segundo o Ibope, segue em ascensão. Ela apresentou um crescimento ainda maior do que o da petista. Pulou de 29% para 33%. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Tecnicamente, as duas estão empatadas. O mesmo quadro de empate técnico é apresentado pelo Datafolha. No entanto, o instituto aponta que Marina Silva parou de crescer. Ela aparece com os mesmos 34% do levantamento anterior. Dilma subiu um ponto e, agora, tem 35%.

Na simulação do segundo turno feita pelo Ibope, Marina continua sendo favorita. A socialista venceria com sete pontos de vantagem: 46% a 39%. Antes, a diferença era de nove pontos: 45% a 36%. O candidato do PSDB, Aécio Neves, permanece em queda. Tinha 19%, na pesquisa divulgada em 26 de agosto, e agora chegou a 15%. Pastor Everaldo (PSC) continua com 1%. Os demais concorrentes na disputa para chegar ao Planalto não conseguiram atingir 1%. Somados, eles têm 2%. Brancos e nulos atingem 7%, e não sabem ou não responderam, 5%.



A petista continua apresentando a maior taxa de rejeição: 31%. No entanto, o novo levantamento mostrou uma queda de 5% em relação à pesquisa anterior. Já o índice de rejeição de Marina Silva subiu de 10% para 12%. O candidato tucano continua com 18%.

A pesquisa Ibope, contratada pelo jornal O Estado de S. Paulo e pela Rede Globo, entrevistou 2.506 pessoas em 175 municípios. Os questionários foram aplicados entre domingo e terça-feira.

No fim da tarde de ontem, pesquisa do Datafolha, contratada pelo jornal Folha de S.Paulo, mostrou novo empate técnico entre Dilma e Marina. A candidata do PT cresceu um ponto percentual. Passou de 34% para 35%. Marina Silva manteve os mesmos 34% que obteve no levantamento divulgado na semana passada. Já Aécio Neves caiu de 15% para 14%. Os outros candidatos somam 4%. Na simulação de segundo turno, Marina, com 48%, venceria Dilma, com 41%. O Datafolha ouviu 10.054 eleitores em 361 municípios entre segunda e quarta-feira. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

 

Esta matéria tem: (2) comentários

Autor: Jorge Magalhães
Pobres Dilma e Aécio, estão no limite do desesperado eleitoral, haja vista a situação em que se encontram. O candidato Aécio perde para Marina no 1º turno, e a candidata Dilma perde, também para Marina, no 2º turno. Os dois perdedores não apresentam propostas, apenas baixarias. | Denuncie |

Autor: Jorge Magalhaes
Quem decide eleição é o eleitor consciente e inteligente, e este eleitor está escolhendo Marina para presidente. Agora é saber se a vitória será em 1º ou 2º turno. | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »
Termos de uso

PUBLICIDADE

Envie sua história e faça parte da rede de conteúdo dos Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.



  • Últimas notícias
  • Mais acessadas