Mulher de Cunha diz a Moro que 'desconhecia' conta em seu nome no exterior

Cláudia Cruz é ré em ação penal por movimentar mais de US$ 1 milhão no exterior, valor supostamente oriundo de propinas recebidos pelo marido

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 16/11/2016 15:04

A mulher do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB/RJ) afirmou nesta quarta-feira (16/11), ao juiz federal Sérgio Moro que "desconhecia a existência de conta no exterior em seu nome". Cláudia Cruz é ré em ação penal por movimentar mais de US$ 1 milhão no exterior, valor supostamente oriundo de propinas recebidos pelo marido. A ação apura recursos mantidos por ela em conta no exterior não declarada.


Ela disse que nunca "desconfiou" de Eduardo Cunha. "Quando casei com ele transferi a ele a administração financeira da minha vida. Nunca tive motivos para desconfiar dele", declarou na audiência.

 

Leia mais em Política


Cláudia respondeu apenas as perguntas de seus advogados. A mulher do peemedebista, que está preso em Curitiba por ordem do juiz Moro, declarou que "apenas usava o cartão de crédito internacional para despesas pessoais e pagamento da educação de filhos". Segundo ela, "a fatura era paga por Eduardo Cunha".

 

Por Agência Estado

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Júlio
Júlio - 16 de Novembro às 21:55
Desconhecia, sei... Provavelmente deve ser porque o Natal está chegando e muitos acreditam em Papai Noel. Queria ver se tivessem tirando dinheiro de qualquer conta dela se ela também iria ficar desconhecendo. Tudo bem que só de olhar para a cara dela já se percebe que parece ser uma pessoa meio louca igual o marido, mas dizer que desconhecia uma conta que movimentava milhões é ir além da loucura.