SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

Requião diz que aceita ser relator do projeto de abuso de autoridade

"Convidado, aceitei relatar o projeto de abuso de autoridade. Procederei com firmeza, isenção e rapidez. Garantias do direito desejam esta lei", escreveu o senador em sua conta no Twitter

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 16/11/2016 15:44

	Minervino Junior/CB/D.A Press

 

Um dos poucos parlamentares a defender abertamente o projeto que vai modificar a Lei de Abuso de Autoridade, o senador Roberto Requião (PMDB-PR), confirmou nesta quarta-feira, 16, em sua conta no Twitter que será o relator do projeto.


"Convidado, aceitei relatar o projeto de abuso de autoridade. Procederei com firmeza, isenção e rapidez. Garantias do direito desejam esta lei", escreveu o senador.

Em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo, o senador já havia afirmado a importância de se revisar a lei, que é de 1965. Ele não vê o projeto como uma ameaça às investigações da Operação Lava Jato, como alegam entidades ligadas ao setor.

"Qual o melhor momento para votar o abuso de autoridade? Quando você for abusado?", indagou o senador. O peemedebista defende que a proposta deve ser analisada independentemente da investigação em curso.

 

 

 

Leia mais em Política


Nesta quarta-feira (16/11), o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), se reúne com líderes partidários para definir uma pauta de votação para os próximos dias. O projeto sobre o abuso de autoridade é uma prioridade para o peemedebista. Ele ficou de confirmar oficialmente a indicação do relator durante esta reunião.

 

Por Agência Estado 

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade