Operação da PF cumpre mandados de prisão em nova fase da Lava-Jato

A 41ª fase da Lava Jato, nomeada Operação Poço Seco, investiga investimentos complexos feitos pela Petrobras na África

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 26/05/2017 07:43 / atualizado em 26/05/2017 08:21

A Polícia Federal deflagra nesta sexta-feira (26/5) a 41ª fase da Operação Lava Jato: a Operação Poço Seco. O nome é uma referência aos resultados negativos do investimento realizado pela Petrobras na aquisição de dirietos de exploração de poços de petróleo em Benin, na África.
 
 
Estão sendo cumpridos oito mandados de busca e apreensão, um de prisão preventiva, um de prisão temporária e mais três mandados de condução coercitiva nos estados do Distrito Federal, do Rio de Janeiro e de São Paulo.

A ação tem como objetivo principal investigar as operações financeiras realizadas a partir da aquisição da Petrobras pelos direitos de exploração de petróleo em Benin, na África, com a intenção de desviar recursos para o ex-gerente da área de negócios internacionais da estatal.

Corrupção, fraude em licitações, evasão de divisas e lavagem de dinheiro são os principais crimes pelos quais os investigados responderão, entre outros. Eles devem ser encaminhados a Curitiba, onde serão autorizados pelo juízo competente.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.