Deputados governistas se reúnem para discutir estratégia de Temer na CCJ

Defesa de Temer tem confiança no impedimento da denúncia no plenário da Câmara

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 12/07/2017 17:19

Deputados ligados ao Planalto fazem no final da tarde desta quarta-feira (12/7) uma reunião na liderança do governo na Câmara para definir a estrategia a ser adotada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde está sendo debatido o pedido de autorização para processar o presidente Michel Temer. Animados com a decisão de vários partidos de fechar questão contra a denúncia e com a liberação do ex-ministro Geddel Vieira Lima para que cumpra prisão domiciliar, os governistas vão avaliar se vale a pena pedir o encerramento imediato dos debates da comissão. 
 

O governo tem pressa para que o assunto seja votado o mais rapidamente no plenário e calcula já ter aproximadamente 250 votos – são necessários ao menos 172 – para derrubar a denúncia. 

Em conversa com o Correio, o advogado do presidente Temer, Antônio Claudio Mariz Filho, afirmou "não entender muito de política, mas acredita que o momento é favorável ao presidente". Para Mariz, caso o governo confirme derrubada da denúncia no plenário da casa, poderá dificultar a disposição do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, de denunciar o presidente por obstrução de justiça e organização criminosa. "Será que ele vai se expor a esse ponto para apresentar uma denúncia sobre fatos que não se sustentam?", questionou o advogado.
Tags: câmara temer ccj
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.