Vaccarezza será conduzido para a Superintendência da PF em Curitiba

Vaccarezza já recebeu voz de prisão, mas encontra-se em sua residência, sob custódia da Polícia Federal

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/08/2017 09:13 / atualizado em 18/08/2017 09:23

Laycer Tomaz/Câmara dos Deputados
O ex-deputado federal Cândido Vaccarezza, líder dos governos petistas de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados, foi preso pela Operação Lava-Jato nesta sexta-feira e será conduzido diretamente para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, informou nesta sexta-feira (18/8), a assessoria da PF em São Paulo.

Vaccarezza já recebeu voz de prisão, mas encontra-se em sua residência, sob custódia da Polícia Federal. As informações são de que os demais investigados nas operações deflagradas hoje serão conduzidos para a sede da Polícia Federal na Capital. 

Já foram cumpridas 46 ordens judiciais, 29 mandados de busca e apreensão, 11 mandados de condução coercitiva e seis prisões temporárias, dentre elas a do ex-deputado, que já saiu do PT. Os mandados foram cumpridos em São Paulo, Santos, no litoral paulista, e Rio de Janeiro. A PF não divulgou ainda os nomes dos demais investigados.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.