Ex-governador do MT entrega imagens de políticos recebendo dinheiro

Segundo reportagem do Jornal Nacional, da TV Globo, o ex-governador afirmou que as gravações foram feitas pelo então chefe de gabinete, Silvio Cesar

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 25/08/2017 11:59 / atualizado em 25/08/2017 13:44

Reprodução
O ex-governador de Mato Grosso Silval Barbosa (PMDB) entregou à Procuradoria-Geral da República, como forma de corroboração à sua delação premiada, vídeos que mostram políticos do Estado recebendo maços de dinheiro.

Segundo reportagem do Jornal Nacional, da TV Globo, o ex-governador afirmou que as gravações foram feitas pelo então chefe de gabinete, Silvio Cesar. De acordo com Silval, ele era o funcionário responsável por entregar os valores. O dinheiro, conforme relato do ex-governador, era proveniente de esquemas de propina no Estado.

O acordo de delação premiada de Silval foi homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no início deste mês. Na semana anterior à homologação do acordo do ex-governador, o ministro Luiz Fux, do Supremo, afirmou que se tratava de uma delação "monstruosa".

Entre os políticos flagrados nas imagens estão o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), que chegou a colocar tantas notas em seus bolsos que parte delas caiu no chão. O vídeo mostra Emanuel Pinheiro agachando-se para juntar as cédulas espalhadas.

O deputado federal Ezequiel Fonseca (PP) aparece nas imagens recebendo o dinheiro em uma caixa de papelão. O então deputado estadual Hermínio Barreto (PR) é flagrado com os maços em uma mala.

A prefeita de Juara (MT), Luciane Bezerra (PSB), também pode ser identificada no vídeo levando o dinheiro na bolsa. O ex-deputado estadual Alexandre César (PT) aparece levando notas em uma mochila.

Silval, que foi governador de Mato Grosso entre 2010 e 2014, fez delação após prisão na Operação Sodoma, sob suspeita de liderar esquema de recebimento de propina em troca da concessão de incentivos fiscais.

À TV Globo, Emanuel Pinheiro, disse que não fez nada ilícito e que vai comprovar isso na Justiça. O deputado estadual Oscar Bezerra declarou que a mulher dele, Luciane Bezerra, recebeu dinheiro para quitar dívidas de campanha eleitoral. Segundo a reportagem, o advogado de Silvio Cesar disse que não comentaria porque a delação está sob sigilo. Os demais citados não foram localizados.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.