Janot é flagrado com advogado de Joesley em bar de Brasília

A foto foi feita por um frequentador do local, que afirmou que a dupla conversou por mais de 20 minutos em uma mesa no canto do bar

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/09/2017 13:56

Reprodução/O Antagonista

O site O Antagonista publicou na madrugada deste domingo uma foto que mostra o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, em um bar de Brasília na companhia de Pierpaolo Bottini, advogado de Joesley Batista. Na foto, o procurador aparece sentado, de óculos escuros. À frente dele, uma garrafa de cerveja com apenas uma taça, e o advogado.

Segundo O Antagonista, o registro fotográfico foi feito por um frequentador do local, que afirmou que a dupla conversou por mais de 20 minutos em uma mesa no canto do bar, ao lado de uma pilha de caixas de cerveja.

O advogado de Joesley, confirmou o encontro: "Na minha última ida a Brasília, este fim de semana, cruzei casualmente com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, num local público e frequentado da capital. Por uma questão de gentileza, nos cumprimentamos e trocamos algumas palavras, de forma cordial. Não tratamos de qualquer questão outra ou afeita a temas jurídicos. Foi uma demonstração de que as diferenças no campo judicial não devem extrapolar para a ausência de cordialidade no plano das relações pessoais", afirmou.


Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Sonia
Sonia - 14 de Setembro às 10:10
O presidente recebe fora de agenda e diz que pode falar com quem quiser na hora que quiser. O ministro do STF também diz o mesmo. Assim, mesmo na foto o que vemos é um procurador em um lugar público calado escutando alguém. Ele provavelmente também pode falar com quem quiser e onde quiser desde que não interfira no seu trabalho. Se Janot quisesse fazer uma conversa secreta teria marcado em algum lugar ermo de brasília que existem muitos. Agora, temos que parar de achar que qualquer encontro é maracutaia.
 
marcos
marcos - 11 de Setembro às 16:33
Acho que seria muita cara-de-pau se Janot tivesse alguma tramóia com o advogado de Joesley e tratasse disso em local público ! Se ele recebesse o advogado num domingo, 23 horas, na casa dele, aí eu desconfiaria de alguma podridão mas neste caso não ...