Publicidade

Estado de Minas

Anthony Garotinho é preso no Rio de Janeiro

Político é acusado de comprar votos em troca do cadastramento de eleitores em programa social


postado em 13/09/2017 11:35

Garotinho apresentava seu programa diário na Rádio Tupi quando os agentes da PF chegaram(foto: Wilton Junior/Agência Estado)
Garotinho apresentava seu programa diário na Rádio Tupi quando os agentes da PF chegaram (foto: Wilton Junior/Agência Estado)
O ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho foi preso na manhã desta quarta-feira (13), durante um programa de rádio, na Zona Norte da Cidade. Ele é investigado na Operação Chequinho, da Polícia Federal. A prisão dele foi pedida em junho, pelo Ministério Público.

O político estava apresentando seu programa diário na Rádio Tupi, quando os agentes da PF chegaram. Outro apresentador assumiu o comando do programa no momento do cumprimento do mandado.

Garotinho é acusado de comprar votos em troca de cadastrar eleitores no programa Cheque Cidadão. De acordo com informações preliminares, a prisão é domiciliar, e ele será levado para casa, em Campos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade