Debate sobre intervenção artística no MAM quase gera briga na Câmara

Em debates acalorados, deputados divergiram e ânimos se exaltaram

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
Uma discussão acalorada quase acabou em briga na Câmara dos Deputados, durante sessão que debatia a PEC do refinanciamento de dívidas, o Refis, na noite desta terça-feira (3/10).
 

Em discursos acalorados na tribuna da Casa, congressistas debatiam o caso da exposição no Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), onde um vídeo que viralizou na Internet mostrava uma criança interagindo com um artista nu. Após falas de parlamentares contrários à performance artística, o deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA), sem citar nomes, lembrou o caso de um parlamentar da Câmara que foi flagrado assistindo a vídeos pornôs dentro do plenário - Edmilson se referia ao caso do deputado João Rodrigues (PSD-SC).

"Se é filme pornô, tem sexo, tem nu", afirmou Edmilson. "Tenham vergonha na cara aqueles que querem dar puxão de orelha aos que têm compromisso com a liberdade e com a arte". Logo após o discurso, ao voltar para o plenário, Edmilson teria sido interpelado por outro deputado - Edmilson novamente não citou nomes, mas em um discurso logo após a altercação, deu a entender que João Rodrigues teria ido ao seu encontro e trocaram xingamentos e quase partindo para a agressão física.

Após serem apartados por outros deputados - em sua maioria membros da bancada do PSOL - a votação do projeto do Refis foi retomada.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.