Mansur: governistas vão trabalhar por vitória mais expressiva no plenário

O deputado também disse que, após a votação, caso Temer saia vitorioso, o governo deve voltar a discutir as reformas previdenciária e tributária

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/10/2017 22:37 / atualizado em 18/10/2017 22:49

Minervino Junior/CB/D.A Press

 
Aliado do presidente Michel Temer, o deputado Beto Mansur (PRB-SP) admitiu que o resultado da votação da denúncia contra o presidente Michel Temer reflete como está a base aliada. Ele disse que os governistas vão passar os próximos dias trabalhando para conquistar um resultado mais expressivo na votação do plenário.
 
 
Mansur admitiu que a vitória de hoje na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), por 39 votos a 26, foi abaixo do esperado - no início da manhã, ele acreditava que Temer conseguiria 42 votos favoráveis no colegiado. "Mas o importante é dizer que nós vencemos, vamos para o plenário e vamos trabalhar para ter uma votação expressiva no plenário. Temos que tirar isso da frente, pois temos que votar temas de interesse da sociedade brasileira", declarou Mansur. 

O deputado também disse que, após a votação, caso Temer saia vitorioso, o governo deve voltar a discutir as reformas previdenciária e tributária a partir da próxima quarta-feira.

Oposição

Já os oposicionistas comemoraram o resultado. O líder da Rede, Alexandro Molon (RJ), avalia que no plenário será possível reverter outros votos. "Mesmo na CCJ, onde o governo substitui membros para manipular o resultado, a votação final foi pior do que eles esperavam. No plenário, a votação contra Temer vai aumentar muito, lá não há como trocar membros."
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.