Ministro da saúde passa mal em São Paulo e é levado para o Sírio-Libanês

A transferência foi feita para o Sírio-Libanês para acompanhamento da equipe médica responsável pela cirurgia. Ele está em observação e não há informação sobre a alta

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/11/2017 12:29 / atualizado em 09/11/2017 12:41

Matheus Oliveira/Divulgação

O ministro da saúde, Ricardo Barros, está internado em observação no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo (SP) depois de passar mal na manhã desta quinta-feira (9/11). Barros participava de um seminário no Instituto Brasileiro de Organizações Sociais de Saúde, no hospital Oswlado Cruz, SP. 

Segundo o Ministério de Saúde, Barros “teve um pico de pressão”. Os sintomas podem estar relacionados à cirurgia uma cirurgia cardíaca realizada na semana passada - cateterismo seguido de  angioplastia. 
 
De acordo com a Saúde, o exame de eletrocardiograma foi feito pela equipe médica e os resultados foram normais. Por protocolo, o ministro deve ficar em observação. “O ministro, portanto, está bem e aguarda finalização do protocolo de atendimento”. 

Cateterismo é o nome que se dá ao procedimento de colocação de um cateter num vaso. E angioplastia, é a correção de uma obstrução no vaso com um tipo de “mola” - geralmente stent -  que impede a obstrução do local.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.