Temer fará exames no Sírio Libanês para avaliar necessidade de cateterismo

Presidente também passará por revisão da cirurgia de próstata realizada às véspera da votação da segunda denuncia contra ele na Câmara dos Deputados

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/11/2017 08:18 / atualizado em 24/11/2017 08:47

Evaristo Sá/AFP

O presidente Michel Temer estará no Sírio Libanês na tarde desta sexta-feira (24/11) para revisão da cirurgia de próstata realizada às véspera da votação da segunda denuncia contra ele na Câmara dos Deputados, para avaliação de outras necessidades e de reavaliação de um cateterismo. O presidente Temer tem 76 anos de idade.

Em 25 de outubro, horas antes do início da votação que analisaria a denúncia da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra ele, o chefe do Executivo passou mal e foi levado às pressas para o Hospital do Exército, em Brasília. Na ocasião, foi feita uma desobstrução e colocada uma sonda devido as dores na bexiga e dificuldades para urinar. 

Após o ocorrido, Temer viajou à São Paulo e foi submetido a uma cirurgia para desobstrução da uretra e foi submetido a um procedimento de retirada da sonda vesical.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.