PHOTO & GRAFIA

Leite na cara dos caretas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 16/02/2016 08:00 / atualizado em 13/02/2016 15:33

Photo & Grafia Leite na cara dos caretas O carnaval passou e quem viu o Bloco das Divinas Tetas não vai esquecer tão cedo. Estrearam no carná candango abrigados no Aparelhinho com a intenção de tropicalizar o Setor Bancário Sul. Deu supercerto! A big band, com 16 músicos, incluindo naipe de metais e percussão, foi pilotada por Adolfo Neto, Aloizio Michael, Samyr Aissami e Tiago Delimacruz. A rapaziada fez a marquise do antigo Banco do Brasil balançar ao som de antigos (e novos) sucessos de Caetano Veloso e companhia. À moda dos tropicalistas, não faltou teor político nas falas do Aloizio. Teve até um hino anti-Lei do Silêncio. "Ainda não sei o que escrever sobre ontem (segunda-feira). Só sei que foi um dos melhores dias da minha vida e o melhor show que já fiz nesses pouco mais de 20 anos de música", disse Adolfo no Facebook. Nos comentários, Heloisa Rocha foi a que melhor definiu o que se passou Setor Bancário: "Lindeza, vocês eram a cara da felicidade e isso contagia. Eu diria que foi uma catarse". O carnaval acabou, #chateada. A notícia boa é que Tiago confirmou que a banda vai seguir adiante e promete shows em breve.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.