Beleza

Linda dos 20 aos 60

Como fazer a maquiagem perfeita em qualquer idade

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 27/03/2016 08:00 / atualizado em 24/03/2016 17:19

Conforme os anos passam, parece ser cada vez mais difícil ousar e abusar das cores e tendências de maquiagem com liberdade. Para descobrir como as mulheres podem se maquiar e se sentir bonitas em todas as idades, conversamos com a maquiadora-sênior da MAC, Fabiana Gomes.

A especialista faz questão de ressaltar que não existem proibições de make baseadas na faixa etária. "Não importa se você tem 60 ou 20 anos, pode fazer um olho mais carregado, usar batom escuro, vermelho. Tudo depende do seu estilo", afirma. Fabiana acredita que a função da maquiagem é fazer com que a mulher se sinta bonita e bem consigo mesma e isso independe da idade.

A pedido da Revista, Fabiana maquiou três mulheres, de idades distintas, e deu dicas para a make bem-sucedida.

AOS 20 ANOS
Zuleika de Souza/CB/D.A Press

Dicas da maquiadora


  • As mulheres mais jovens têm o costume de querer esconder demais as imperfeições da pele e usam muito produto, deixando a pele com um aspecto artificial. O ideal é usar uma base mais leve, com aspecto natural. As jovens dessa idade costumam preferir as bases opacas, sem muito brilho.

  • Elas também usam muito corretivo e, muitas vezesm erram. Usam um tom mais claro para esconder as olheiras e acabam ficando com a região dos olhos cinza. O ideal é procurar um profissional de maquiagem para ele indicar o tom certo, é muito raro uma pessoa sem experiência acertar a cor. Quem não tem olheiras pode apenas optar por iluminar a região.

  • O delineador com traço mais extenso é indicado para que jovens que tem mais atitude. Geralmente, as meninas mais modernas. É preciso ter firmeza e desenvoltura nas mãos para fazer o desenho correto.

  • A boca rosa ressalta o frescor da idade e traz um aspecto romântico. O gloss bem marcado dá uma ideia de mais graça, mais divertida. A dica para não errar no gloss é aplicar o produto no centro da boca e deixar ele se espalhar.

 

AOS 35 ANOS

Zuleika de Souza/CB/D.A Press

Dicas da maquiadora

  • Nessa idade, a preparação da pele começa a ter uma importância muito grande. O resultado pode ficar estranho sem a limpeza e hidratação antes de receber a base.

 

  • A base deve ter um pouco mais de luminosidade, a opaca pode envelhecer o semblante, tirando o brilho natural do rosto. O ideal é um produto leve com acabamento luminoso ou semiopaco para quem tem a pele oleosa.

 

  • A mulher de 35 pode valorizar o que preferir, mas precisa se conhecer para não envelhecer o semblante destacando olheiras ou rugas.

 

  • O esfumado com tons mais quentes, como o laranja, o dourado e o marrom mais claro, iluminam o olhar. Para esfumar, é mais fácil fazer o contorno com o lápis de olho cremoso, para controlar o delineado, e depois, quando necessário para reforçar, aplicar a sombra.

 

  • Aplicar a sombra e o lápis na parte de baixo dos olhos valoriza o olhar, mas o processo deve ser feito com cuidado para não ressaltar olheiras. É preciso limpar a área depois de aplicar e refazer o corretivo.

 

AOS 60 ANOS

Zuleika de Souza/CB/D.A Press

Dicas da maquiadora

  • Na pele mais madura, a hidratação é essencial. No caso das brasilienses, isso precisa ser reforçado. A água termal também pode ajudar bastante.

 

  • O ideal é passar pouca base, apenas para neutralizar áreas avermelhadas e igualar o tom da pele. A base em excesso pode ressaltar as marcas de expressão. O corretivo amarelado também ajuda a corrigir a vermelhidão.

 

  • Na pele mais madura, a região dos olhos fica ainda mais sensível. É necessário um hidratante específico para a área. O corretivo para disfarçar as olheiras somente pode ser aplicado depois da hidratação. A regra é muita hidratação e pouco produto, para não ficar carregado.

 

  • As mulheres mais maduras costumam perder cílios e sobrancelhas. Para uma maquiagem mais elaborada, é legal aplicar cílios postiços, eles abrem o olhar.

 

  • No caso das sobrancelhas, muitas mulheres mais velhas tem o costume de usar lápis ou sombra pretos para realçar ou completar a áreas falhas e isso pode comprometer o visua. A ideia é manter o desenho original e não usar o lápis para fazer um desenho muito diferente do natural.

 

  • As sombras metálicas não são proibidas, mas elas costumam ressaltar as rugas e marcas de expressão nos olhos. O metálico pode envelhecer.

 

  • O contorno dos lábios fica menos definido e isso pode dificultar na hora de passar o batom. O ideal é fazer um contorno com o lápis de boca.

 

  • A mulher de 60 anos pode usar os produtos que quiser, mas deve ter mais cuidado com a preparação da pele. Cores escuras na boca, olhos realçados e esfumados estão liberados se fizerem parte do estilo da mulher.

 

  • Na hora de passar o lápis ou delineador na pálpebra, prefira produtos mais cremosos e não puxe o olho, esticando a pele. O correto é aplicar o produto por cima das rugas ou texturas da pálpebra, garantindo uma linha contínua.

 

 

 

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Valéria
Valéria - 04 de Abril às 21:32
AMO maquiagem! AMO a Mac! Adorei a matéria! Gostei muito do posicionamento da Fabiana Gomes, de que tudo é válido de acordo com o estilo da pessoa. Tem maquiador que é cheio de regras, não pode isso e aquilo... Eu concordo com a Fabiana, desde que combine com a pessoa, vale tudo. Amei a matéria. Parabéns CW.
 
Márcia
Márcia - 31de Março às 16:47
A maquiagem para a mulher de 35 anos ficou horrível, não sei se foi a luz usada para a foto, mas a deixou velha e com aspecto cansado, ressaltando as olheiras dela. Com esse cabelo então..... Muito ruim.