SIGA O
Correio Braziliense

publicidade

ENTREVISTA

A Revista conversou com a atriz Giovanna Antonelli, confira!

No bate-papo a atriz falou sobre empreendedorismo, a carreira de atriz e a relação com o público

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/10/2016 18:58 / atualizado em 21/10/2016 19:12

Ailim Cabral

João Miguel Júnior/TV Globo
A atriz e empresária Giovanna Antonelli esteve em Brasília na última quinta-feira (20/10) para visitar a primeira franquia de sua clínica de depilação a laser e estética, a Giolaser, em Brasília. Em um bate-papo com a Revista ela falou sobre o lado empreendedor e estilo.

Você é uma atriz de sucesso. Por que se tornou empreendedora?

Entrei nesse mundo há 10 anos, tenho feito muitas coisas, sou uma pessoa muito inquieta. Gosto de aprender e sair da minha zona de conforto, tenho muitas ideias e preciso estar sempre produzindo, enquanto eu tiver saúde e energia para isso.

Por que o setor de beleza e estética?

Sou atriz, não dá para construir prédio, fico na área da beleza, saúde, alimentação, porque é o que eu uso no dia a dia. Como atriz, é o que eu sei fazer, já conquistei e vou mantendo porque eu amo minha profissão. Quis buscar algo semelhante, tive o grande sonho de entrar na área de cosméticos e produzir minha linha de esmaltes. Nas novelas acabava tendo muito contato com o figurino, com os esmaltes, acessórios e isso acabou me levando para esse caminho naturalmente.

Por que a depilação a laser?


Cheguei através dos meus sócios, que são médicos. A vida inteira fui adepta do laser, fiz muitas sessões de depilação porque tive muito pelo na adolescência e isso para mim era um sofrimento. Quando comecei a fazer depilação, o laser minha vida mudou.

Por que escolheram Brasília para abrir uma franquia?

Para nós, o importante é estar no Brasil inteiro. Somos ambiciosos e o céu é o limite para o projeto que a gente tem. Ele é acessível, dá um retorno muito bom e é um orgulho abrir novas lojas em um ano de crise. Não tivemos medo da crise e continuamos investindo, isso vai nos trazer um retorno positivo nos próximos anos.

 

Fernando Torquatto/VIP
 

 

Tudo que você usa nas novelas se torna sucesso entre o público. Todo mundo quer usar os esmaltes, os brincos, os colares das suas personagens. Como explica essa afinidade?

É uma troca de amor minha com o público. Toda vez que faço um personagem novo tento me reinventar, me recriar e trazer coisas novas em todos os sentidos. Para mim, a pesquisa de caracterização é 50% da composição do personagem e me leva para esse universo novo que vou explorar.

Então você interfere nas escolhas?


Eu? Sou palpiteira! Falo demais, tudo que penso e pesquiso muito, até o último capítulo.Gosto de estudar os textos, leio a novela inteira, as cenas dos outros. Gosto muito do que faço e das coisas que criei ao meu redor.

publicidade

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.

publicidade